10 motivos para demitir o Cristovão do Flamengo







Há algumas coisas na vida que você até suporta além do normal. Mas tudo tem limite. E esse limite chega a partir do momento em que os malefícios superam os benefícios. É assim que eu me sinto em relação ao Cristovão no Flamengo. Ele traz mais coisas ruins do que coisas boas. E quando isso acontece com um técnico de futebol, o resultado só é agradável para os adversários.

Há muitos motivos para o Cristovão ir embora do Flamengo e a diretoria parece fazer de Kátia, a cega. Além do mais, está dando combustível a oposição, que vai montar em cima do péssimo momento que o futebol do Flamengo atravessa. Noves fora eleição, a permanência do Cristovão vai fazer esses desgaste, que não é pequeno, se acentuar cada vez mais.

Se você acha que não há motivo, vou listar 10 deles. Se você quer que o Cristovão permaneça, lista 10 motivos nos comentários para debatermos sobre...

1) Cristovão perde muito. Em 17 jogos, são 9 derrotas. Embora eu saiba que os Cariocas ajudam os técnicos a levantar esse número de vitórias e Cristovão só teve Brasileiro, não dá para o número de derrotas ser maior do que o número de vitórias do Flamengo. Não dá para o Flamengo se conformar com isso. É preciso manter o padrão.

2) O time não tem padrão tático. O esboço de padrão tático que o time conseguiu em poucos jogos não durou. Não há jogadas de aproximação, passagem de lateral e ele não consegue dar função a jogadores titulares, como o Everton.

3) Ele não conseguiu uma identificação com o Flamengo. Em nenhum momento, o torcedor viu o técnico como comandante de alguma coisa. Você consegue confiar no que ele fala?

4) Ele não consegue arrumar a defesa do Flamengo. OK que o time tem falhas individuais e acredito que ele tem ZERO culpa isso. Mas os gols de escanteios tomados e a falta de proteção na entrada da área do Flamengo são erros que um time não pode ter. A defesa do Flamengo é uma vergonha.

5) Guerrero não consegue jogar. Ele não recebe bola. E parece que o técnico espera, pacientemente, que o atacante faça gol. Cristovão não consegue fazer a bola chegar para o principal atacante do país. Mas a seleção do Peru consegue.

6) Cristovão não ajuda a preparação física do time. É do ABC do futebol que quando você tem um time que tem prejuízo físico, você pega os jogadores que tem esse desempenho pior e substitui por gente do banco para poupar o jogador do estresse máximo, além de dar mais "combustível" ao time. Cristovão não faz nem uma coisa, nem outra.

7) Ele morre sempre com uma substituição, mesmo com o motivo explicado acima. Ele não tem variação de time, não tem plano B, não tem escapatória se o que ele treinou misteriosamente não dá certo no dia do jogo. Ou você acredita que uma substituição do Cristovão vai mudar um placar adverso no segundo tempo?

8) Mesmo com semanas cheias de treino, o Cristovão não conseguiu ajeitar o time do Flamengo. Mesmo com Guerrero e Sheik, o Flamengo não consegue fazer gol na pior defesa do campeonato. O Flamengo não cria condições de gol em cima do pior time do Brasil.

9) O time que o Cristovão dirige não tem identificação com a torcida, assim como o técnico que parece mesmo não estar nem aí para o patrimônio do clube. Para que manter um técnico que nem mandar os jogadores cumprimentar a torcida no final do jogo serve?

10) Ele não ganha clássico. Para ele, o respeito voltou PONTO

A dúvida que eu tenho é se o Luxemburgo teria o mesmo desempenho do Cristovão se tivesse Sheik, Guerrero, Ederson, Alan Patrick jogando bem.  O Flamengo jogou mal contra o Vasco. Porém, esse fato não excluí nenhum dos motivos supracitados. Além do mais, você conhece TRÊS rubro-negros que estejam satisfeitos com esse técnico no comando do time?

Saudações!



Comente:



Nenhum comentário

Comente, sempre, com educação. Se você é do Twitter, do Facebook ou de outra rede social, deixe o seu contato para que eu possa agradecer.
Ah, não esqueça nunca: UMA VEZ FLAMENGO, SEMPRE FLAMENGO!

Tecnologia do Blogger.