Lucas e o não aproveitamento da base do Flamengo




http://www.lancenet.com.br/flamengo/Lucas-Flamengo-Foto-Gilvan-Souza_LANIMA20120311_0101_26.jpg

Foram 16 anos jogando pelo Flamengo e, quando chegou aos profissionais não conseguiu se firmar. Depois de uma passagem por Portugal, o atacante Lucas, que foi campeão da Copa São Paulo de Futebol Junior lamenta não ter sido aproveitado no Flamengo e parou no Bangu  para tentar reconstruir a carreira.

-  Não sei por que não fui mais aproveitado no Flamengo. A única coisa que eu lamento é ter ficado 16 anos no clube e não ter tido muitas chances. Não dá para entender como você investe em alguma coisa por 16 anos e depois não a aproveita. Mas muitos jogadores sofrem isso. Passou. Sou flamenguista de coração, mas tenho que pensar no meu futuro. - disse o jogador de 22 anos ao site 'FutRio'.

Em Portugal, defendeu o modesto Santa Clara, da segunda divisão, por apenas nove jogos. Teve também passagens rápidas em 2014 pelo Atlético Goianiense e pelo Nacional/PR. Na base, além de cameão da Copa Sâo Paulo 2011, foi também bicampeão do Torneio Otávio Pinto Guimarães e chegou a ser convocado para a Seleção Brasileira Sub-17.

Na Gávea, teve chances como profissional em apenas cinco jogos, todos pelos Campeonatos Cariocas de 2012 e 2013. Mais um jogador da base que chega aos profissionais e que o Flamengo não conseguiu aproveitar.  Independente do que ocorre em treinos e jogos-treinos, é uma diferença muito grande entre o número de anos na base e o de jogos no profissional.  Será que esse menino era tão ruim assim e quem trabalha na base não conseguiu identificar?

Saudações!


Comente:



2 comentários:

  1. O problema do Flamengo é a prostituição que lá existe, essa raça chamada empresário tem de ser extinta do futebol brasileiro, e outra é essa coisa de valorizarem o jogador que vem de favela ou é muito pobre ou tem cara de coitadinho, clube de futebol não é instituição de caridade, nem governo petista pra dar dinheiro pra coitadinho que se encosta. O engraçado que caras da base que são metidos a craque e são menos que medianos, como o Muralha, Luis Antonio e outros têm chances até demais, enquanto outros que só tem "cara de playboy" tem de ralar muito pra ter uma chance ou outra. Claro que existem exceções, como o Adryan, mas aí o que conta são outras coisas, como empresário.

    ResponderExcluir
  2. Todos os dias eu me lembro desse rapaz, o Lucas e me lembro também do Lorran. Centro avante clássico, o Lucas não demonstrava ser nenhum Romário, tampouco poderia ser comparado ao Artur (de hoje). Melhor do que muitos que tivemos, ele é e se não houve qualquer problema de indisciplina, com ele e com o Lorran, o destino deles seria o aproveitamento no time de cima. Muitas vezes, eu cheguei a compar o Lorran ao Cerezzo, devido ao estilo incansável e combativo. O Lucas fez uma ótima partida contra o Corintians, em Londrina, quando Luxa era o técnico. O Jorginho lhe deu 5 minutos, contra o Macaé: dois passes e um gol perdido devido à ansiedade. Vida que segue. O Everton Ribeiro foi mandado embora da base do Corintians e depois de quebrar a cara em alguns clubes é o grande nome do Cruzeiro. Acreditem Lucas e Lorran. Trabalhem sempre.

    ResponderExcluir

Comente, sempre, com educação. Se você é do Twitter, do Facebook ou de outra rede social, deixe o seu contato para que eu possa agradecer.
Ah, não esqueça nunca: UMA VEZ FLAMENGO, SEMPRE FLAMENGO!

Tecnologia do Blogger.