Um show do basquete rubro-negro em cima do São José




O Flamengo estreou na semi-final da NBB dando um show em cima do São José, time de melhor campanha na primeira fase da competição e que estava com uma invencibilidade de 15 jogos. Mais uma vez, a torcida compareceu, deu o seu espetáculo, apoiou o time do início ao fim e foi agraciada com uma grande vitória rubro-negra.

O Flamengo já começou o primeiro quarto arrasador e carregando Murilo, que é considerado por muitos o melhor pivô da competição, de faltas, tanto que ele teve que ser substituído logo. Com isso, o caminho ficou livre para Caio Torres deitar e rolar, com a ajuda de Kammerichs. Com isso, o placar desse quarto foi 27 x 18.

O Flamengo continuou avassalador no segundo quarto e chegou a abrir 14 pontos de vantagem. Porém, o time de São José correu atrás e, aliado aos erros cometidos pelo ataque rubro-negro, conseguiu diminuir essa vantagem para apenas três pontos. Nesse momento, surge o jogador responsável pela ressurreição do time do Flamengo em quadra. Hayes errou uma bola que poderia ter custado o empate para o time adversário, mas, no contra-ataque enterra a cesta e levanta a torcida no ginásio. Podemos dizer que essa foi A CESTA do jogo porque, a partir dela, o Flamengo se reencontrou em quadra e não deu mais chance ao azar. E assim, o placar final do primeiro tempo foi 41 x 33.

No terceiro quarto, o show foi todo de Caio Torres. Mais uma vez, Murilo teve que sair de quadra porque estava carregado de faltas e, assim, o caminho ficou livre para Caio Torres brilhar no garrafão. Marcelinho, que não estava bem nas bolas de três pontos, começou a acertar a pontaria e David Jackson continuava no seu ritmo habitual de ser decisivo. Mesmo assim, o time rubro-negro deu uma vacilada e o adversário diminuiu a vantagem. Mas, ele, Hayes, mais uma vez botou ordem na bagunça e fez com que o Flamengo fechasse o quarto em 67 x 51.

No último quarto, o Flamengo não deixou o ritmo cair. Com um jogo defensivo muito bem armado, com grande precisão no ataque e com o time do São José errando tudo o que tentava, o placar se tornou elástico e, no final do jogo, apontava 84 x 68 para a gente.

O próximo jogo será na sexta-feira, na casa deles e o ginásio, com certeza, estará lotado. O time do Flamengo não pode se deixar levar pela provocação dos torcedores locais, principalmente Marcelinho, jogador que cai na pilha fácil, fácil. Essa fase decisiva está servindo para nos mostrar de Gonzalo, finalmente, acertou o sistema defensivo do time, que deixava muito a desejar. Se mantiverem isso e se continuarem com a boa pontaria no sistema ofensivo, esse título é nosso.

Comente:



Nenhum comentário

Comente, sempre, com educação. Se você é do Twitter, do Facebook ou de outra rede social, deixe o seu contato para que eu possa agradecer.
Ah, não esqueça nunca: UMA VEZ FLAMENGO, SEMPRE FLAMENGO!

Tecnologia do Blogger.