Pós-Jogo: Brasil de Pelotas x Flamengo - Copa do Brasil 2015




Alecsandro - Brasil de Pelotas x Flamengo - Copa do Brasil (Foto: Itamar Aguiar/Raw Image/LANCE!Press)

O gol, nos acréscimos, quando fazia o placar de 2x0 e evitava o jogo de volta na Copa do Brasil, foi a água no chope do Flamengo na estreia da Copa do Brasil. Estreia que o time não se apresentou bem, contou com falhas individuais dos jogadores adversários para fazer gol e se espremeu na pressão de um time que estou esperando ser uma potência, como muita gente falou antes da partida.

Não gostei da forma como o Flamengo entrou em campo, com volantes demais e uma escalação que nunca entrou em campo. Se a pressão que tomou no inicio do jogo não durou todo o jogo, serviu para mostrar que jogar recuado num campo pequeno e com torcida em cima pode ser mais sofrível e deixar os jogadores mais tensos. Ou você achou normal a intranquilidade do Paulo Victor e do Wallace durante o jogo? O Flamengo, no primeiro tempo, foi um time acuado, que não tinha saída de bola e que não conseguia trocar três passes seguidos. Dependeu da esperteza do Alecsandro, com faro do artilheiro, para acreditar numa bola mal recuada do zagueiro para o goleiro para fazer o primeiro gol. Gol que já poderia ter saído antes no jogo se o mesmo Alecsandro não tivesse sido displicente numa bola dentro da área.

Embora tivesse levado pressão no primeiro tempo, com direito a bola no travessão do adversário, o Flamengo voltou no segundo tempo mais calmo, querendo tocar mais a bola entre os jogadores. Quando conseguiu isso teve o melhor momento no jogo. Luxemburgo, querendo segurar o placar para o jogo da volta, colocou Luiz Antonio, Arthur Maia e promoveu a estreia do Jonas. Se antes tínhamos três volantes, terminamos o jogo com quatro volantes já que Eduardo da Silva, Alecsandro e Caceres saíram do jogo. Num chute de fora da área, Pará que não jogou bem na lateral esquerda, fez o segundo gol do Flamengo, numa falha do goleiro deles. Pronto, o Flamengo tinha o placar para não levar o jogo para o Maracanã.

O jogo ia caminhando para o final. Paulo Victor já tinha feito uma defesa daquelas milagrosas quando, nos acréscimos, o juiz inventou uma falta na lateral esquerda do Flamengo, perto da área. Na cobrança, o Brasil de Pelotas fez o seu gol, que garantiu o jogo da volta e a alegria da galera que lotou o estádio dos caras. No primeiro momento, eu fiquei com a impressão de impedimento do jogador que estava quase em cima da linha para completar o lance.

Flamengo não jogou para conseguir o placar de 2x0 mas já que o conseguiu não poderia ter levado o gol no final do jogo.  Desta vez, não teve sol pra atrapalhar o Paulo Victor, o Luiz Antonio tinha que estar mais atento ao jogador que ele teria que marcar.

Paciência! Jogo da volta será dia 18 de março e Flamengo pode perder por até 1x0 que garante classificação para a próxima fase da Copa do Brasil.

Comente:



Nenhum comentário

Comente, sempre, com educação. Se você é do Twitter, do Facebook ou de outra rede social, deixe o seu contato para que eu possa agradecer.
Ah, não esqueça nunca: UMA VEZ FLAMENGO, SEMPRE FLAMENGO!

Tecnologia do Blogger.