10 de maio de 2013

Destaque RN: Dida


>







http://www.jogadaensaiada.com.br/wp-content/uploads/2013/02/edivaldo-alves-santa-rosa-dida-flamengo-01.jpg 

O futebol é feito de grandes nomes. Grandes times tiveram grandes nomes, grandes clubes tem craques na sua história. Agora você imagina um gigante, como é o o Flamengo. Flaengo tem muitos que eu mesma só fui conhecer quando passei a ler histórias de títulos que eu não vivi ou histórias de pessoas que viveram o Flamengo antes de mim. E é claro que eu saberia quem é o Dida, o ídolo do meu ídolo maior.

Dida foi o maior artilheiro do Flamengo até a era Zico, marcando 244 gols em 350 jogos entre 1954 e 1966. Curiosamente era o maior ídolo de Zico, de quem acabaria herdando a camisa 10.E era um jogador de talento e habilidade rara um cracaso. Dida foi descoberto em Maceió, quando a delegação de vôlei do Flamengo assistia a um jogo entre as seleções de futebol de Alagoas e da Paraíba. Os cariocas ficaram impressionados com um jogador da equipe alagoana que marcou três gols na partida e, depois de um tempo, um representante do time da Gávea foi até o Nordeste trazer o jovem talento para o Rio.

Dida jogou a primeira vez no profissional do time rubro-negro graças às contusões de Evaristo e Benitez num jogo contra o Vasco. O Flamengo venceu por 2X1, mas Dida acabou retornando para o time de aspirantes. Só em 55 ele viria a se firmar definitivamente como titular, substituindo Evaristo mais uma vez. Na final do campeonato daquele ano, o Flamengo venceu por 4x1, conquistando o bicampeonato. O jovem alagoano marcou três gols da partida.


http://2.bp.blogspot.com/-BjiBg2XIBF4/TfDLYHn_vUI/AAAAAAAACAw/Bv3SpbY8HcE/s1600/didaGrd.jpg
Na seleção Dida era o camisa 10, titular absoluto até a Copa de 58. Uma contusão (que hoje teria uma recuperação bem rápida) o deixou no banco de reservas e abriu vaga para o jovem Edson Arantes do Nascimento (Pelé), que encantaria o mundo com seu futebol.

Jogou ao lado de Pelé, Garrincha, Gerson, Evaristo de Macedo, Benitez, Zizinho e outros grandes craques do futebol brasileiro e mundial.

Títulos:

Seleção Brasileira

Copa do Mundo: (1958)
Copa Roca: (1957)

CSA

Alagoas Campeonato Alagoano: 2 vezes (1949 e 1952)

Flamengo

Rio de Janeiro Campeonato Carioca Aspirantes: 1955,1956
Torneio Internacional do Rio de janeiro: 1954
Torneio Internacional Gilberto Cardoso: 1955
Rio de JaneiroXSão Paulo Taça dos Campeões Estaduais: 1956
Troféu Allmana Idrotts Klubben: 1957
Troféu Ponto Frio Bonzão: 1957
Troféu Sporting Club de Portugal: 1958
Torneio Internacional de Israel:1958
Torneio Hexagonal de Lima: 1959
Rio de Janeiro Torneio Inicio:1959
Torneio Internacional de Verão do Urugua: 1961
Torneio Internacional da Tunisia: 1962
Espanha Torneio Naranja: 1964
Rio de Janeiro Campeonato Carioca: 4 vezes (1953, 1954, 1955, 1963).
Rio de JaneiroxSão Paulo Torneio Rio-São Paulo: 1961.

Faleceu no dia 17 de dezembro de 2002, aos 68 anos, vítima de insuficiência hepática e respiratória.3 Estava internado há uma semana no Hospital Miguel Couto, que se localiza próximo ao CT da Gávea.

Linda homenagem do Bruno Lucena nesse video.



Espero que você tenha gostado desse texto! Segue no Instagram!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente, sempre, com educação. Se você é do Twitter, do Facebook ou de outra rede social, deixe o seu contato para que eu possa agradecer.
Ah, não esqueça nunca: UMA VEZ FLAMENGO, SEMPRE FLAMENGO!

Postagens mais visitadas

Todos os posts deste blog