Nada é tão ruim quanto uma derrota expõe!






Flamengo perdeu ontem num jogo que muitos rubro negros tinham a vitória como certa. E, num campeonato de pontos corridos, perder três pontos dentro de casa, mesmo jogando em Juiz de Fora, é para chatear mesmo!  Poderia jogar a culpa em um dia ruim do time do Flamengo, na falta de esquema do Jorginho, nas contratações que não melhoram o desempenho do time, na dulpa-atitude que beira ao ridiculo do Renato Abreu... Mas será que tem um culpado mesmo?

Atuações ruins despertam mesmo toda uma ira desenfreada e as opiniões acabam exageradas. Ontem foi realmente um dia ruim para o time do Flamengo. Além de não entrarem com a motivação igual à estreia, parece que alguns dos jogadores que poderiam fazer a diferença estavam num dia ruim. Rafinha, Gabriel e Elias foram muito mal e não podemos cobrar deles disposição, né? Tem sido respeitosos, profissionais e tem tido um bom rendimento até aqui.

Para quem reclama da falta de esquema tático do Jorginho, o Flamengo tem esquema tático, com jogadores e posicionamento definidos. E não sei se dá para fazer muita coisa além do que o Jorginho vem fazendo, não! É óbvio que esse esquema não funcionou bem ontem, principalmente com a cobertura da zaga pelo lado direito. Além disso, Jorginho colocou como um dos responsáveis pela criação das jogadas o jogador mais lento do Brasileirão. Há o roubada de bola, o primeiro passe é excelente mas quando chega no Renato Abreu, a jogada perde a velocidade, atacantes ficam marcados e dá a impressão que ninguém se movimenta e não tem esquema tático. Mas o esquema tático está lá, treinado, mas se dois ou três jogadores não jogam em prol do esquema, não há Barcelona que ganhe jogo. Simples assim.

Um dia eu ainda vou entender porque um clube como o Flamengo, que tem uma geração que pode dar bons jogadores para o futebol como foi a da Copinha em 2011 e que vive jogando na imprensa que todas as atitudes que vem tendo no futebol como mandar jogador "consagrado" e técnico experiente embora, para sanear dívidas, contrata, de uma vez, uma penca de jogadores que nada dizem. E não ache que estou menosprezando os reforços que chegaram porque não é essa a questão. Mas não consigo entender o porque de se ter um elenco inchado, com jogadores que, teoricamente, não farão mais coisas do que a garotada da base. Ontem, o Flamengo perdendo, o Jorginho olhou para o banco e... As contratações não melhoraram o time. E não vem melhorando!

Para terminar com a "grande polêmica" que deveria ter sido o jogo contra a Ponte Preta, a dupla atitude do Renato decepciona qualquer rubro negro sadio, mesmo aqueles que são rigorosamente contra a permanência dele no Flamengo. Carregar a bola no meio de campo, de um lado para o outro,  ao ouvir a torcida o vaiando por causa da péssima atuação que teve ontem (e contra o Santos foi a mesma merda!) e depois fazer graça na substituição querendo insinuar que as vaias foram por causa do penalti perdido, foi uma das coisas mais tristes que vi um jogador fazer com o Manto ultimamente.  O que o Renato ganha fora de campo com atitudes bacanudas perde fazendo uma coisa dessa. E é a derrota que expõe quem é jogador que quer ajudar o grupo e quem quer ver o próprio umbigo.  Expõe também que "meia dúzia de otários" não são tão otários assim!

Vida que segue. Derrotas como essas e vitórias improváveis ainda farão parte da nossa caminhada nesse Brasileirão porque temos um time que ainda não disse a que veio.

Nem rebaixamento, nem Libertadores, nem titulo. Vamos esperar o barco correr para ver o que vai acontecer.  Nada de sofrer de forma antecipada!

Saudações Rubro Negras!


Comente:



Um comentário:

  1. Excelentes comentários e avaliações! Uma coisa que eu vejo grande parte dos fãs do Renato Abreu falando aqui, é que ele é o jogador que mais acerta passes no Mengão! Se repararem bem, os únicos passes que ele tenta é em direção ao volante ao seu lado, e em direção a zaga! Não se dá um passe envolvente, enfiando a bola na medida para o atacante, ou mesmo colocando a bola numa posição futura, para os pontas que tem velocidade! Além disso, estando no campo na quarta-feira, fiquei reparando o posicionamento do Rafinha e do Gabriel. Não sei se é sempre assim, mas eles ficaram colados o tempo todo no Moreno, não abrindo as jogados pelos lados e não saindo da marcação. Por isso que eles estavam sendo facilmente marcados. Com o corpo franzino que eles tem, ou eles abrem a jogada bem pelo lado, dando espaço para o Moreno e o meio-campo ofensivo entrarem, ou o Mengão será sempre o time limitado que foi.

    ResponderExcluir

Comente, sempre, com educação. Se você é do Twitter, do Facebook ou de outra rede social, deixe o seu contato para que eu possa agradecer.
Ah, não esqueça nunca: UMA VEZ FLAMENGO, SEMPRE FLAMENGO!

Tecnologia do Blogger.