Se isso não é ditadura...!




 

O Flamengo tentou. Teve efeito suspensivo,  defendeu como pôde o técnico Vanderlei Luxemburgo. Mas se contra a Ditadura não há argumentos que dê jeito, a suspensão seria certa. E foi isso que o Tribunal de Justiça Desportiva fez  condenando o técnico  em dois jogos nesta segunda-feira, por declarações contra a Federação de Futebol do Rio de Janeiro, e o comandante do Flamengo está, por enquanto, fora do clássico com o Fluminense no domingo.

Os auditores não acataram a denúncia da procuradoria quanto à incitação de violência (artigo 243 - Incitar publicamente o ódio ou a violência) ao pedir que fosse dada "porrada na Federação" antes do jogo com o Bangu. Mas entenderam que o termo feriu o decoro e as regras do campeonato, ferindo o artigo 258 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (Provocar o público durante partida, prova ou equivalente).

O Departamento Jurídico do Flamengo vai recorrer da decisão no Pleno do TJD e no STJD. O objetivo é conseguir novo efeito suspensivo. Mas o pouco tempo hábil não dá esperanças para o clássico. Semana de clássico, decisivo, e o técnico do Flamengo fora do campo.

Essa Federação... 

Com ajuda do Extra



Comente:



Nenhum comentário

Comente, sempre, com educação. Se você é do Twitter, do Facebook ou de outra rede social, deixe o seu contato para que eu possa agradecer.
Ah, não esqueça nunca: UMA VEZ FLAMENGO, SEMPRE FLAMENGO!

Tecnologia do Blogger.