Alma dolorida!







A vitória do Corinthians sobre o Flamengo no jogo de ontem dói na alma de qualquer rubro negro flamenguista. Essa dor pode se manifestar em forma de tristeza, lamentação, revolta ou desdém. Cada um age a sua maneira, de acordo com a sua consciência, mas eu me arrisco a dizer que se a derrota de ontem não doeu e não provocou nenhuma reação, seja ela qual for, pode procurar outro time pra torcer. Porque FLAMENGO, essa pessoa não o é.

Entendo que jogadores tem limites físicos e já escrevi aqui sobre isso. Eu sei que um jogador não pode ser culpado por um sistema defensivo errado e já escrevi aqui. Entendo que o técnico botou o Fierro porque não tinha ninguém melhor, embora eu ache que se acovardou e tinha que ter o mesmo pensamento dos jogos passados. O nome para se colocar era o Negueba! "In my Opinion"

Eu consigo entender que o Ronaldinho Gaucho estava cansado, que o Thiago Neves está em má fase técnica, que o Willians está perdido em campo, que o Gustavo não é jogador para vestir o MANTO depois da agressão covarde em cima do Liedson (Papai do Céu pune, viu...), que o Léo Moura parece mesmo ter acabado para o futebol, que o Renato não pode levar um meio de campo nas costas, que o Welinton mesmo tirando 17 bolas (eu contei!) é xingado no final do jogo porque tem um histórico horrível e que o Felipe nem sempre salvará o Flamengo de levar gol. Juro por Deusinho amado que consigo entender isso tudo, embora não concorde com algumas coisas.

Vou suspirar, contar até 10 e escutar todos os argumentos que tentem explicar essa queda do Flamengo no campeonato brasileiro, todas as teorias conspiratórias, ver gente torcendo contra só pra dizer que tem razão quando fala mal do técnico ou de um jogador específico. Sou capaz de escutar e ler tudo isso, calada.

Mas traga o nosso FLAMENGO de volta. Traga o Flamengo que já vi ganhar, já vi perder, mas nunca o vi desistir. Traga o Flamengo dos olhos arregalados do Renato Abreu quando um jogador adversário tenta tirar onda porque está gannhando. Traga o Flamengo do Ronaldinho vibrante que entra em campo e que é capaz de fazer torcedor sorrir só por estar exemplificando o que é o Flamengo. Quero o Flamengo que me faça bater no peito e falar "É isso".

Quero que o Flamengo seja o meu remédio e cure a minha alma dolorida.

A minha alma está dolorida. Mas a minha confiança e a minha fé nesse clube que me escolheu e eu acolhi para amá-lo e respeitá-lo, continua inabalável.

Domingo contra o Atlético genérico? Vamos pra cima deles, Mengooooooooooo!

Segue as notas do jogo de ontem:



Ouça o Lulucast do jogo de ontem. Falamos sobre o jogo contra o Corinthians e próximo jogo contra o Atlético/PR. Escute!

Peço desculpas ao meu erro de não ter colocado o Fierro e o Luxemburgo para vocês darem nota. Por isso que eles estão Sem Nota!

Comente:



Nenhum comentário

Comente, sempre, com educação. Se você é do Twitter, do Facebook ou de outra rede social, deixe o seu contato para que eu possa agradecer.
Ah, não esqueça nunca: UMA VEZ FLAMENGO, SEMPRE FLAMENGO!

Tecnologia do Blogger.