5 lições que a derrota para o Grêmio trouxe






https://s.yimg.com/bt/api/res/1.2/sfjUASCrkhUh5_18.pN2MA--/YXBwaWQ9eW5ld3NfbGVnbztmaT1maWxsO2g9Mzc3O3B4b2ZmPTUwO3B5b2ZmPTA7cT03NTt3PTY3MA--/http://media.zenfs.com/pt-BR/homerun/pt.goal.com/b57808af21431d369af8e509821c7a07

O Flamengo perdeu mais uma partida no Brasileirão. Continuamos sendo o time que mais perde no campeonato, com saldo negativo e estagnado na tabela. Continuamos sendo um time sem nenhuma identidade com o Flamengo e que virou presa fácil para os adversários, mesmo sendo terceiro colocado na tabela.

Embora eu entenda que uma derrota para o terceiro colocado da tabela e dentro da casa deles não é um completo desastre, a forma como o time vem se apresentando é um desastre. Ontem achei que houve uma melhora no desempenho, mesmo que essa melhora não tenha levado perigo ao Grêmio. E isso é MUITA coisa.

Do jogo de ontem, para se planejar um 2016 decente o Flamengo tem que levar cinco lições que ficaram nítidas em mais uma derrota no campeonato:

1) Um novo goleiro

Depois dos dois gols que o Paulo Victor tomou ontem, se adiantando na definição de jogadas igualzinho como foi no gol do Corinthians, ficou claro que um bom time começa por um bom goleiro e o Paulo Victor não consegue manter o equilíbrio e regularidade que um bom goleiro precisa.

2) Psicólogo para esses jogadores

Flamengo paga, Flamengo manda. Não é possível que esses jogadores não consigam manter a calma num jogo para ir atrás de um placar. O desespero do Cesar Martins, o desequilíbrio do Guerrero e a falta de tesão de alguns ali tem que se combatidos.  E não serão combatidos por consultor de empresas e cantores torcedores indoa hotel numa sexta-feira a noite.

3) Cabeça de área VOLANTÃO!

O Flamengo precisa de um "5".  A vida do Flamengo tem sido dificultada pela falta desse jogador. Vamos combinar que nem Márcio Araujo nem Canteros tem essa função. E o Jonas, que poderia fazê-la não consegue terminar um tempo sem cartão amarelo.

4) Um novo técnico

Oswaldo demorou demais para mudar a forma do Flamengo jogar. Vem numa péssima sequencia e continua agindo como se não estivesse acontecendo nada. O Flamengo precisa para 2016 de um técnico que vibre na mesma intensidade que a torcida.

5) Jogador para dar bola para o Guerrero

Guerrero foi irresponsável pela expulsão. Foi juvenil. Não pode reclamar, não reclama. Não concordo com essa medida da CBF, mas é assim desde o inicio do campeonato.  Ele não vem jogando nada e boa parte disso é culpa dos outros. Não dá para ele jogar sozinho e o Guerrero não tem um jogador que mande a bola para ele em condições decentes. O Flamengo paga caro ao Guerrero mas uma andorinha só não faz verão.

Poderia falar da falta de outros jogadores, em outras posições. O Flamengo precisa se reforçar para voltar a colocar medo nos adversários e acabar co a passividade de um time dentro de campo. Porém, no jogo de ontem, essas cinco lições deveriam ser levadas em conta para o planejamento de um novo ano.

O nosso próximo jogo é contra o Goias, dentro de casa. É jogo para acabar com essa sequencia negativa de derrotas. Vamos ver como o time do Flamengo se comportará.

Saudações!

Comente:



3 comentários:

  1. Excelente reflexão... ainda mais eu concordando com cada letra, cada palavra escrita! Parabéns!

    ResponderExcluir
  2. Concordo muito. Enquanto não contratarem um meio de campo totalmente novo esse time não evolui. Um 5 e um 10 nível seleção, pra ontem. Há 3 anos precisamos de um armador. Mas contratamos pra todas as outras posições menos pra essa, que é a principal.

    ResponderExcluir

Comente, sempre, com educação. Se você é do Twitter, do Facebook ou de outra rede social, deixe o seu contato para que eu possa agradecer.
Ah, não esqueça nunca: UMA VEZ FLAMENGO, SEMPRE FLAMENGO!

Tecnologia do Blogger.