Em Portugal, não há técnico bom de futebol?











O cenário é (quase) desesperador, em se tratando de técnico para o Flamengo. Enquanto uns sonham com bons resultados para efetivar o Barbieri, outros não querem Felipão e Dorival, que poderiam, pelo currículo, dirigir o time.

O que resta é a procura por técnico internacional. A última especulação foi do argentino Bauza.

Saco nada de mercado internacional ainda mais sul americano. Mas o país que importa técnico e ciência (em termos de ensino para treinamentos e treinadores) para o futebol é Portugal. E não teria a barreira do idioma.

Até a próxima!


Comente:



Nenhum comentário

Comente, sempre, com educação. Se você é do Twitter, do Facebook ou de outra rede social, deixe o seu contato para que eu possa agradecer.
Ah, não esqueça nunca: UMA VEZ FLAMENGO, SEMPRE FLAMENGO!

Tecnologia do Blogger.