Dead Line no Flamengo?



Eu não acredito não. Sinceramente. Embora esteja muito p%$# da vida com o time que veste o manto, acredito que eles podem render mais do que estão rendendo. Claro que com algumas ressalvas.
Um time como o Flamengo não pode teor no time um jogador com potencial a levar cartão vermelho todo jogo. E é assim que eu vejo o Airton. Um cara que começou com um futuro promissor mas que hoje entra em campo para dar botinada a fim dos atacantes ficarem com medo dele. Se considerarmos os gols que o Flamengo vêm tomando, a tática dele está completamente errada, assim como o seu pensamento. Lugar de brucutu é na pqp, não no time do Flamengo.
Um zagueiro não pode, na entrada da área, reclamar que o juiz não marcou uma falta. Tira a maldita da bola ao invés de olhar para o juiz. Se todo mundo sabe que essa leva de juiz de futebol do campeonato brasileiro é horrível, porque peitar isso? Não foi a primeira vez que a zaga do Flamengo peitou e se deu mal. Então jogue a bendita bola para fora. Simples assim.
Um goleiro que, perdendo em casa, prende a bola pro time não levar uma goleada, também merece a minha ressalva. Não consigo entender e muito menos concordar com a "estratégia" do Bruno. O pensamento dele, além de ser escroto, é abominável para a grandeza do Flamengo. O meu Flamengo, Bruno, não precisa de você. Vai se f%¨$% com a sua retaliação. Se o capitão do time tem esse pensamento derrotista, o que esperar de um garoto que está subindo do juniores para o profissional?
Colocar a garotada como salvação da pátria não dará certo. Embora o Andrade saiba que o futuro são eles, coloca-los em um momento que os fuderosões, que acham que ganham quando querem, não resolvem pode queimá-los.

Uma boa notícia?

Espero que você tenha gostado do texto. Aproveite e confira também:

Poste um Comentário




Próximo
« Prev Post
Previous
Next Post »
0 Comentários

Comente, sempre, com educação. Se você é do Twitter, do Facebook ou de outra rede social, deixe o seu contato para que eu possa agradecer.
Ah, não esqueça nunca: UMA VEZ FLAMENGO, SEMPRE FLAMENGO!