O encantador de rubro-negros









Era uma vez um menino que sonhou, que ousou, que jogou, que despertou, que encantou. 

Encantou, tenho certeza, até o mais sisudo rubro-negro. 

Despertou aquele sentimento genuíno flamengo de orgulho e paixão. Do menino que tem orgulho de vestir o Manto e leva isso pra dentro de campo. 

Jogou demais. Menos do que pode, mais do que muitos esperavam. Jogou tanto que fez técnico veterano passar vergonha pedindo pra maneirar no talento, vê se pode. 

Ousou nos dribles, nos passes, nos chutes para o gol. Personificou em campo o "vai pra cima deles, mengo". Mostrou pro mundo a velha máxima que "craque o Flamengo faz em casa". 

Sonhou e concretizou. Foi lá e fez. Jogou e encantou. 

Encantou tanto que teve um Maraca cantando o merecido "Fica Vinicius". 

Voa, encantador. Voa, garoto! 

Saudações! 



Comente:



Nenhum comentário

Comente, sempre, com educação. Se você é do Twitter, do Facebook ou de outra rede social, deixe o seu contato para que eu possa agradecer.
Ah, não esqueça nunca: UMA VEZ FLAMENGO, SEMPRE FLAMENGO!

Tecnologia do Blogger.