Overdose de Zico com desfile em escola de samba e lançamento de livro

Overdose de Zico com desfile em escola de samba e lançamento de livro


Será o segundo carnaval seguido que terei Zico no meu coração. Se no ano passado me "aventurei" numa promoção na página do Facebook para conseguir jogar futebol com ele, esse ano teremos o Zico na Sapucaí, sendo homenageado pela escola de samba Imperatriz Leopoldinense.

Dá uma olhada no samba:



Como se não bastasse ter uma escola de samba contando a história do meu grande ídolo, foi lançado um livro, do qual faço parte, que traz depoimentos e histórias de atletas, ex-atletas, fãs, técnicos, enfim, muitas pessoas sobre o Zico. Um espetáculo de reverência para um cara que deu infinitas alegrias ao torcedor do Flamengo.

A sinopse diz: "Quem é Zico? Como o garoto franzino, nascido Arthur Coimbra, transformou-se em um dos maiores jogadores de todos os tempos e o maior ídolo da história do Flamengo? Neste livro – por meio de depoimentos de colegas como Adílio, Júnior e Roberto Dinamite, de técnicos como Joel Santana e Valdir Espinosa e até de “fãs” mais recentes como Neymar e Alex –, o leitor vai conhecendo a carreira, a vida e os bastidores que contribuíram para formar esse jogador tão especial. Zico ganhou tudo com o rubro-negro. E se não ganhou uma Copa do Mundo, é como disse Edu César: “azar da Copa”."

 
Simplesmente Zico, da querida Priscila Ulbrich, foi lançado pela Editora Contexto e já está a venda.




É mais um daqueles livros para se ter e eternizar para filhos, sobrinhos, netos, amigos e mostrar, para sempre, a importância eterna que Zico terá na história não só do Flamengo, mas do Futebol. 

Adidas lança Manto II e camisas de treinos para 2014

Adidas lança Manto II e camisas de treinos para 2014


Depois da linda vitória do Flamengo na estreia na Libertadores em casa e no dia do 'fico do Hernane, a adidas divulgou o Manto II que o Flamengo usará em 2014 e já começou a distribuição das camisas de treino. Logo já temos imagens dos dois.



O Manto II, branco, tem como destaque a marca d'água inspirada no arco da Praça da Apoteose, principal cenário do carnaval carioca. Outra novidade está nos ombros, que voltam a ser vermelhos com detalhes em >> preto, como no modelo clássico utilizado pelo clube entre os anos de 1981 e 1983. O escudo também possui um novo formato, diferente do CRF que vem sendo usado na camisa I.

Particularmente, eu prefiro o CRF no peito em vez do escudo preto e vermelho. Além disso, gosto mais das três listras da adidas na manga toda e não pela metade, como ficou no Manto II.

As camisas de treinos chegaram as lojas em três cores e foi divulgada pelo Espaço Rubro-Negro. Branco, Preto e Laranja (ou seria mais para o vermelho e a luz me traiu?) foram as cores escolhidas para que os jogadores usarem no ano de 2014. Se no ano de 2013 a única cor de camisa de treino foi azul, parece que em 2014 teremos uma variedade maior.

Veja a fotos:

Media preview


Media preview

Media preview

Mengão bem vestido, de roupagem nova.

Pena que, nenhum dos Mantos lançados tiveram divulgação exclusiva em Rede Social oficial do clube. Parece que ainda tem que se aprender o timing das notícias que envolvem o Flamengo.

Adorei as camisa de treino. Adorei.

Saudações!

Vitória no ritmo do Everton

Vitória no ritmo do Everton
Elano falta gol, Flamengo x Emelec (Foto: EFE)

Fui ao Maracanã. Como não é sempre que isso acontece, porque não moro no Rio de Janeiro, é sempre uma festa quando eu vou. Uma oportunidade única. E aproveito como uma criança. Não é qualquer coisa que me faz pular enlouquecida gritando "festa na favela".

Mas vamos ao jogo e que jogo! Um pouco depois do inicio nervoso do Flamengo, mesmo depois do primeiro gol de falta do Elano, fiquei com a nítida impressão que só quem entendia em campo a importância de um jogo na Libertadores era o Everton. Coerente, disposto e jogando com a cabeça erguida, estava claro que, se o Flamengo quisesse sair com os três pontos, seria pelos pés dele. E foi ao ritmo dele.

Não foi só pelos pés dele que ganhamos de 3x1. Com a zaga segura, com Elano distribuindo o jogo, mesmo não tendo a velocidade que o Elias dava ao meio de campo do Flamengo e Everton correndo muito, a vitória foi ficando eminente, fazendo a festa dos torcedores que foram ao Maracanã (e os que não foram também, tenho certeza!)

A entrada do Gabriel, no segundo tempo no lugar do Mugni, que ainda está se adaptando ao futebol brasileiro, deu mais velocidade e uma vontade extra aos que estavam em campo. Assim, construímos o placar de 3x0 e numa bola de azar, desviada no meio do caminho, os caras fizeram o "gol de honra".

Algumas observações:

- Paciência com o Mugni. Parece que ele demorará mais tempo para se adaptar. Não adianta vaiar o cara, com o time ganhando, aos 40 minutos do primeiro tempo. Ele jogou mal, o técnico viu e o substituiu.

- Samir é mesmo um mito. Parece um vetereno jogando.

- Everton não pode mesmo ficar fora desse time. Joga sempre para frente, indo em direção ao gol.

- Esse time do Flamengo joga no ritmo da torcida. Quando ela acorda no jogo, o time também acorda. Impressionante!

Foi lindo a torcida pedindo para o Hernane ficar, o reconhecimento da saída do Elano com direito a aplausos e gritos da torcida  e a festa na favela. Lindo, lindo, lindo!

Conseguimos uma vitória importante, que nos deixou como vice-líder do grupo na Libertadores. Nosso próximo jogo na competição é na quarta-feira depois do carnaval, no dia 12 de março. A vitória é fundamental para os dar tranquilidade para classificação para as oitavas de final da Libertadores.

A onda para ser surfada do Brocador

A onda para ser surfada do Brocador
http://l.yimg.com/bt/api/res/1.2/rkF2nu_l0YfTXW5dzlbvqw--/YXBwaWQ9eW5ld3M7Zmk9aW5zZXQ7aD00NTc7cT03NTt3PTYzMA--/http://l.yimg.com/os/publish-images/sports/2013-09-12/608741b4-f58d-4c07-b28a-327f587f4943_Hernane_AlexandreVidal.jpg

Receberam outra proposta para vender o Hernane para o exterior,  para um time chinês.  Para quem acha que futebol é oportunidade, foi uma ótima pedida. Jogador que não unanimidade, sempre teve qualidade questionada, muitos acham que foi sorte ele ter sido artilheiro do Brasil e que, quando está em alta, o jogador tem que ser vendido. Para pessoas como eu, que vivem reclamando da falta de ídolos do Flamengo, é uma perda que não vai ser recuperada tão cedo. Mas se até o Zico foi vendido, por que Hernane não pode ser vendido? O Flamengo não acabará e vida que segue.

Hernane chegou ao Flamengo desacreditado e sai por cima, de uma forma que nem o mais otimista do torcedor acreditaria quando ele chegou. Construiu uma história bacana com o clube e ganhou a torcida com os seus gols e ao mesmo momento que ajudou o time a ser campeão nacional de novo. Folclórico, "do povo" e simples, não tem como não dar uma sacaneada em rival com um gol do Brocador. Bom pra caramba, né?

Não tem muito como culpar a diretoria, o jogador, o empresário. No futebol de hoje, duas coisas influi muito numa transferência de um jogador: o pagamento da  multa e a vontade do jogador. Se um clube pagar a multa rescisória, é preciso muito mais dinheiro para que o jogador fique. O Flamengo tem dinheiro sobrando?  A vontade do jogador, geralmente, prevalece. A gente está vivendo (ou viveu) isso com o Elias. Ou não? Será que não é a hora do Hernane fazer o seu próprio pé de meia?

Continuo sendo contra a venda do Brocador. Acho que com a grana que vai se ganhar com a venda, o Flamengo não contratará um atacante que tenha o carisma que ele tem. Acho que a empatia que a torcida tem com ele não é qualquer jogador que vai ter e que, inclusive, o Flamengo aproveita pouco isso. Mas entendo que há situações que o clube não pode fazer muita coisa quando há a eminência da saída de um jogador. Essas situações vem para arrebentar um planejamento realizado.

Pelaipe declarou que o Flamengo recebeu a proposta mas que ainda não aceitou. É a segunda proposta recebida em pouco tempo. O cara está na crista da onda. E, com a ajuda que deu num ano espetacular que fez o Flamengo conseguir seus objetivos, ele merece surfá-la.

O 'esquenta' para a Libertadores com liderança

O 'esquenta' para a Libertadores com liderança
Alecsandro; Flamengo; comemoração gol contra Resende (Foto: Reprodução SporTV)

Em ritmo de treino, Mengão detonou o Resende e Volta Redonda e colocou a pressão da vitória em cima do Fluminense, que tem clássico contra o Botafogo. O time de Laranjópolis precisa vencer para ficar na liderança do Carioca. E sabe porque eu começo o texto falando dessa liderança? Por que o líder vai enfrentar, provavaelmente, um time de menor investimento na semifinal. Pode não ser nada, mas não deixa de ser uma vantagem.

Com dois gols do Alecsandro e outro de Everton, o primeiro desde a sua volta e depois de uma jogada LIIIIINDA do Leo Moura, o Flamengo venceu por 3x0 num jogo que, em muitos momentos, deu sono. Deu sono mas evidenciou algumas coisas que temos que melhorar para o Flamengo se tornar um tie mais competitivo, dentre as quais:

- Precisamos de mais velocidade na passagem da bola da defesa para o meio de campo. O Elano, embora esteja sendo competentes em muitos lançamentos realizados, nao dá a velocidade que esse time estava acostumado, como era com o Elias.

- O André Santos precisa entrar em campo sem o aspecto de cansado. E usar e abusar da sua maior arma: os cruzamentos para os atacantes.

- O Mugni precisa ficar mais ligado nos jogos. Entendo que esteja passando por um período de adaptação e a cobrança dos torcedores (e minha, claro!) tenha que pensar nisso. Mas não dá para se omitir do jogo.

- Precisamos de um primeiro homem de meio de campo efetivo, como o Amaral não vem sendo e o Cáceres esta se esforçando para ser.

Mas há coisas que me fazem acreditar que esse time pode ir mais longe que muita gente acha. A efetividade da defesa com a  bola no chão, a bela fase do Léo Moura, que está voando em campo, a performance dos nossos atacantes e a disposição do Everton e Muralha foram os pontos altos de um time que ainda está se acertando em campo. Para "encaixar", só com grandes vitórias, como a que virá quarta-feira, se São Judas não cochilar.

Quarta-feira temos o segundo jogo na Libertadores, com a casa cheia e, com casa cheia, tudo fica mais bonito. Sair com uma bela vitória, sendo empurrado pela Nação, faz qualquer time crescer e aparecer. É isso que a gente quer do Flamengo: que ele cresça e apareça.

Vamos pra cima deles Mengão!

Avalie os jogadores - Resende x Flamengo - Carioca 2014

Avalie os jogadores - Resende x Flamengo - Carioca 2014



Mais uma vitória do Flamengo no Carioca, desta vez por 3x0 contra o Resende.

Vamos dar as notas para nossos jogadores? Em forma de JOINHAS! :)




Veja aqui a média geral dos jogadores

A maquiagem vergonhosa do borderô de Flamengo x Madureira



São muitos aspectos a serem discutidos sobre o jogo Flamengo e Madureira porém o recorde negativo de público que o Flamengo teve no jogo contra o Madureira  também deu prejuízo aos cofres rubro-negros.

No borderô da partida, divulgado nesta quinta-feira pela Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj), consta que da renda de R$ 117.620,00, o clube teve lucro de apenas R$ 555. Com uma penhora de R$ 55 e custo do exame antidoping de R$ 5.480, o prejuízo rubro-negro totalizou R$ 5.007.

E o que fez a federação para tentar encobrir essa vergonha? Simplesmente ela incluiu as cotas de tv no borderô do jogo, como se isso fosse umaprática comum. Não, não é! Porém, incluídas essas cotas no borderô, o Flamengo passa a ter lucro na partida. Sem a cota de tv, o Madureira teve um saldo positivo de míseros R$ 370. Pelo regulamento da competição, ainda que o Flamengo tenha vencido a partida ele se vê obrigado a levar apenas 60% do faturamento.

A partida disputada nesta quarta-feira à noite, no Maracanã, teve ingresso mínimo a R$ 60 e apenas 2.487 pagantes, o pior público desde a reabertura do estádio, no dia 2 de junho de 2013, no amistoso entre Brasil e Inglaterra. Antes do jogo entre Flamengo e Madureira, o pior público dos rubro-negros na competição tinha sido contra o Bahia, no Brasileiro de 2013, quando pouco mais de oito mil pessoas pagaram para assistir ao jogo.

Com certeza há muito o que se discutir em relação a preços de ingressos e continuo achando que o Flamengo TEM QUE achar uma forma de melhorar isso, pois é o calcanhar de Aquiles desta gestão.

Além disso, enquanto os clubes não se unirem para acabar com essa pouca vergonha que é o Carioca, onde se tira dos grandes para dar sobrevivência aos chamados pequenos, com a Federação ganhando DEZ POR CENTO de taxa em todos os jogos, a tendência é que cada vez esses jogos sejam esvaziados. E o preço do ingresso, que a própria federação colocou um preço mínimo, é o personagem principal dessa história, assim como a própria Federação Carioca de Futebol.

Avalie os jogadores - Flamengo x Madureira - Carioca 2014

Avalie os jogadores - Flamengo x Madureira - Carioca 2014




Flamengo jogou contra o Madureira num Maracanã vazio, o que é uma vergonha para o pais que sediará a Copa dentro de poucos meses!

Mais uma vitória do time alternativo e seguimos bem no Carioca!

Vamos dar as notas para nossos jogadores? Em forma de JOINHAS! :)




Veja aqui a média geral dos jogadores

Árbitro adicional na linha de fundo é uma boa pedida para o futebol?

Árbitro adicional na linha de fundo é uma boa pedida para o futebol?

Alexandre Vidal/Fla Imagem

O jogo do Flamengo contra o Vasco serviu para (re) acender mais uma polêmica no futebol, além da interminável discussão se já não está na hora de usar recurso eletrônico: a função do juiz de fundo de campo.

Sinceramente, nem sei como chamá-lo. É auxiliar de fundo? Auxiliar de meta? Auxiliar 4 e 5 do juiz principal? Árbitro adicional?

A ideia é boa. A intenção, creio eu, é ter dois olhos abertos no que acontece dentro da área, no empurra e empurra, nos penaltis duvidosos, nas bolas que entram o não entram no gol... Tentar tornar o futebol o jogo mais limpo possível é válido e enquanto o aparato tecnológico não chega a todos os jogos de futebol, o uso desse árbitro poderia amenizar a sensação de injustiça no resultado de uma partida, como foi nesse jogo em questão.

Muita coisa poderia ser flagrado por esse auxilia mas, na maioria dos jogos, ele ele fica tão parado, quase despercebido, como um fantoche e gesticula tão pouco que quase nunca age. Difícil lembrar de um penalti que tenha sido dado por esse profissional, por exemplo.

O tipo de lance que aconteceu no jogo em questão, que TODO MUNDO viu que foi gol, esse auxiliar tinha tudo para mostrar serviço, um gol legítimo com a bola batendo na trave e quicando depois da risca foi ignorado. Será que é falta de poder? Será que é falta de coragem?

O fato é que houve um prejuízo a um time e a função desse profissional não foi cumprida. Do outro lado, num lance mais difícil, o outro auxiliar validou o gol corretamente e fez valer a sua função em campo.

Como já disse, a ideia de ter um auxiliar na linha de fundo é boa. Mas tem que se dar mais poder, uma maior participação a eles. Se não, serão peças nulas que serão, sempre e para sempre, criticados.

Até a próxima.

A zoeira não pode parar, nem acabar!

A zoeira não pode parar, nem acabar!

A zoeira não pode parar. E, depois de um jogo polêmico como foi o o clássico Flamengo x Vasco, a critividade da galera está amil por hora.

Separei algumas imagens que rolaram nas Redes Sociais após esse jogo. Confere aí!















A zoeira, ah, essa nunca acaba! Hahahahaahahah!

Vitória do Flamengo em cima do Vasco em clima de HAHAHAHAHA!

Vitória do Flamengo em cima do Vasco em clima de HAHAHAHAHA!
http://ejesa.statig.com.br/bancodeimagens/ea/13/za/ea13za0e9c31nu4x8j9oyimyj.jpg

Hoje o post vai ser no calor da emoção. Mais pós-jogo do que isso, impossível. E sabe o que é bom? Eu to rindo MUITOOOOOOOOOO! HAHAHAHAHAHA! Sabe aquelas vitórias que lavam a alma? Foi essa! nada de mimimi, chororô nem bla bla bla... Os três pontos são nossos e isso o que importa!

Se antes do jogo a torcida tinha dúvida do que seria melhor para o Flamengo entre escalar o time titular e o reserva, parece que o primeiro tempo horroroso acabou com todas as dúvidas (pelo menos a minha acabou!). O time andou em campo, poderia ter ido para o intervalo perdendo e por pouco não se encaminhou para a terceira derrota seguida, o que iria prejudicar o andamento desse inicio do ano para o Flamengo. TEM QUE se dar uma injeção de ânimo nesses caras para jogares o Estadual. É NECESSÁRIO o Flamengo levar a sério QUALQUER competição que ele dispute.

O melhor em campo hoje esteve fora dele. Com substituições cirúrgicas, daquelas que só quem conhece o elenco que tem faz, o Jayme mudou o jogo, percebeu que o time do Vasco parou e colocou correria no final do jogo. Audacioso, trocou um jogador de meio de campo que ajudava na marcação por um atacante e foi premiado com a vitória no final do jogo. Colocando o time pra ataque, um dos jogadores que ele colocou em campo, fez o gol da vitória, o gol que vai fazer a Mulambada sorrir e gargalhar no dia que é deles, a segunda!

Nada de errado no Maracanã. O time de primeira divisão ganhou o time de segunda. O time que não perde há sei lá quantos jogos venceu o time que só faz perder, principalmente em final. Tudo em ordem no Maracanã, time de segunda  fará a festa dos Mulambos na segunda.

E como eu estou terminando esse post? Assim ó: HAHAHAHAHAHAHAHAHA! É BOM GANHAR! Ganhar num jogo que não jogadamos (quase) nada, é BOM DEMAIS.

Tirem a cueca pela cabeça! Chorem! Reclamem porque a gargalhada tem que continuar. Sempre!

Avalie os jogadores - Vasco x Flamengo - Carioca 2014

Avalie os jogadores - Vasco x Flamengo - Carioca 2014





HAHAHAHAHAHHA Vamos lá, pessoALL! Vamo ar as notas para os nosso jogadores no clássico contra o Vaskin!




Veja aqui a média geral dos jogadores

10 coisas que o Flamengo precisa melhorar para ser campeão da Libertadores


http://4.bp.blogspot.com/-XczctTnxono/UqpsEtNWFCI/AAAAAAAAyTo/3iIJewQ9Sx0/s1600/copa-libertadores.jpg

A nossa caminhada na Libertadores 2014 começou com derrota mas não significa que ela esteja perdida. Com dois jogos em casa seguidos, o Flamengo tem tudo para virar o jogo e ficar em melhor posição que está. Portanto, há algumas coisas que, se ele não melhorar, infelizmente o sonho do bi-campeonato vai  ficar pelo meio do caminho.

Vamos a elas;

1 - Flamengo precisa de um volante/primeiro homem de meio de campo/cabeça de área efetivo. E o Amaral, mesmo sem a expulsão inacreditável do jogo contra o Léon, não vinha sendo esse cara. A marcação não pode afrouxar e a entrada da zaga não pode ficar desprotegida, como foi contra o Fluminense e o próprio Léon.

2 - Elano ou o terceiro homem de meio de campo precisa ser mais efetivo na marcação. Flamengo pode jogar com Amaral e Cáceres como  homens de marcação, mas se esse terceiro homem não ajudar, não aguentaremos pressão na alttude de time que joga num caldeirão.

3 - André Santos e Léo Moura tem que ir a linha de fundo fazer aqueles cruzamentos primorosos para Hernane ter chance de gol. Um ou dois por jogo poderá não fazer diferença como faz para times do Campeonato Carioca.

4 - Flamengo tem que matar a jogada de bola cruzada na área. Bola cruzada na área significa pressão e bola pererecando que vai resultar em gol. Vai bater na bunda do adversário e entrar, juiz vai marcar penalti inexistente...

5 - Erazo NÃO!

6 - Flamengo precisa de um jogador rápido para jogar ao lado do Hernane e servir de "desafogo" em contra-ataque na casa do adversário. Paulinho ou Everton, tem que ser efetivos para que esses contra-ataques resultem em gols.

7 - Felipe tem que manter a média de defesas da estreia. É difícil um time ser campeão da Libertadores que o goleiro não seja um das seus principais destaques.

8 - Técnico calmo, que não aja com o calor da emoção é fundamental. Gostei do Jayme que esperou o time se acertar depois da expulsão do Amaral e não colocou o Chicão no time, desesperado para se defender. Agiu com calma e quase saímos com um pontinho num jogo que tinha tudo para ser um desastre.

9 - Não se conformar com empate na casa do adversário. Jogo na casa do adversário é vitória. Nada desse bla bla bla que e Libertadores, que é pressão. Time que quer ser campeão tem que fazer o resultado fora e manter em casa. Quando um time entra em campo para empatar, é certo que ele vai perder.

10 - Bola para o Hernane. Não seremos campeões dessa Libertadores se não abastecerem o Hernane com boas bolas para ele fazer gol. O momento é dele, o cara está num momento incrível e é um dos pontos fortes de um time que pode fazer história.

É claro que aparecer mais coisas que podem impedir o Flamengo de chegar ao bi-campeonato. Mas acho que essas 10 aí em cima é o início para que se traga mais eficiência que facilitará o nosso caminho. Caminho que não será fácil, mas eu tenho fé no Flamengo. Sem grandes dramas, passaremos para as oitavas. Aí, o bicho vai pegar!

Avalie os jogadores - Leon x Flamengo - Libertadores 2014

Avalie os jogadores - Leon x Flamengo - Libertadores 2014




De as notas da estreia do Flamengo na Libertadores, no jogo contra o Leon, no México.





Veja aqui a média geral dos jogadores

Quando a animalice é maior do que a luta

Quando a animalice é maior do que a luta
http://media-cdn.incondicionais.com.br/media/reportero/149/9/2/0/0/n_20140210144531_flamengo_ja_esta_no_mexico_onde_fara_estreia_na_libertadores_978116.jpg

Estreamos na Libertadores!  Eo o Flamengo entrou em campo com Felipe; Leo Moura, Samor, Wallace, André Santos; Amaral, Caceres, Elano e Mugni; Everton e Hernane. Um time diferente do que estávamos acostumados e a justificativa do Jayme que queria proteger mais o meio de campo e fazer a bola ficar mais presa, usando  Mugni, parecia uma boa...

Depois que o Amaral foi expulso de uma forma bisonha, o jogo que já seria complicado por estar na casa dos caras e com altitude, tornou-se complicadíssimo. Tão complicado que passou a ser um jogo de ataque contra defesa, com os caras fazendo o primeiro gol num penalti do Hernane, meio que inventado depois de um escanteio que a bola ficou "quente" na área do Flamengo.

Quando eu pensava que o Flamengo ia recuar e passar mais pressão, o time se soltou. Quase numa cópia de um lance que o Samir perdeu na cara do gol, o volante Cáceres empatou o jogo de cabeça e aliviou o coração da mulambada.

Coração que ficou acelerado depois do penalti que o juiz marcou do André Santos e que o Felipe pegou depois da paradinha do jogador adversário. O segundo gol dos caras não demorou a acontecer, numa falha do miolo de zaga do Flamengo depois de uma cobrança e escanteio.

Mesmo com a animalice do Amaral, poderíamos ter saído do México com uma vitória. Hernane colocou uma bola no travessão, Samir perdeu gol na cara do gol, Cáceres perdeu gol numa outra cobrança de falta do Elano.

Não tem como destacar, nesse jogo, a disposição do Everton, do Mugni, a precisão do Elano e as defesas do Felipe, que no penalti defendido com cavadinha fez muito rubro-negro vibrar como se fosse um gol. A velocidade de reação dele no lance, mudando rapidamente a forma de dela foi impressionante. Coisa de quem está muito bem treinado.

Flamengo lutou. Lutou contra a altitude, contra o juiz, contra a torcida e contra um time que jogou com um jogador a mais em 85% do tempo. Mas foi só o primeiro jogo da Libertadoras, que vai ser longa. Prepare o seu coração, porque o meu está se preparando ainda!

Vai começar a festa!



Chegou o dia da estreia do Flamengo na Libertadores 2014. E com essa estreia, se inicia o sonho de milhões de rubro-negros de conquistar esse título novamente. Conquistá-lo é a porta de entrada para a participação no Mundial de Clubes, no fim do ano. A conquista da América significa isso.

A diretoria, os caras que mandam, não pouparam esforços. Trouxeram caras novas, que podem agregar a um time que já é campeão. Os jogadores tem que fazer a sua parte. Esquece a apatia do clássico do Fla-Flu e mira na Libertadores. Motivação a mil, outra competição... Pensa na vibe Copa do Brasil x Brasileiro no ano passado. Não se jogava tanto no Brasileiro mas arrebentava na Copa do Brasil. Que a Libertadores seja a Copa do Brasil da vez.

Flamengo enfrenta o Leon, campeão mexicano, na casa dos caras, na altitude. Não é uma altitude como a de Quito, mas é altitude. Todo cuidado é pouco, mesmo com o time deles vindo numa fase ruim.

Jayme fez um coletivo "secreto" e acho que o time tem duas dúvidas. Coloquei na imagem os nomes de Samir e Carlos Eduardo entre parênteses porque eles podem jogar nas vagas de Erazo e Everton. Eu prefiro que jogue Samir e Everton, mas ACHO que Erazo e Everton começarão a partida. Não há muito o quue mudar num time que já jogou bem esse ano e tem tudo para fazer boas atuações.



Você já respondeu o #OpinaAí sobre a Libertadores?

O que eu desejo é sorte. Competência. Raça. Disposição. Continuo com a singela opinião de é difícil segurar o Flamengo motivado, querendo o resultado. Usar a cabeça e saber jogar uma competição como essa é um passo importante para o sorriso no resultado final.

Estarei sempre contigo, Mengão! Puxe a cadeira, abra a cerveja, acomode-se no sofá. Vai começar a festa!!!

A comparação entre os elencos de 2010, 2012 e 2014 do Flamengo na Libertadores

http://2.bp.blogspot.com/-SV7KuS6kk3I/UrDi92IstzI/AAAAAAAADhM/Q-Nl4MeWON0/s1600/Grupo7libertadores.jpg

A listagem dos jogadores do Flamengo relacionados para a disputa da primeira fase da Libertadores saiu. A lista conta com os contratados, jogadores da base e com um goleiro a mais do que estamos acostumados. Os nomes que podem trazer um pouco de discordância são o do Welinton, do Igor Sartori e do Recife. O resto estava todo previsto.

Confira a lista:

Goleiros: Felipe, Paulo Victor, César e Luan
Laterais: Léo Moura, Léo, André Santos e João Paulo
Zagueiros: Samir, Wallace, Chicão, Erazo e Welinton
Volantes: Amaral, Muralha, Feijão, Cáceres e Recife
Meias: Carlos Eduardo, Lucas Mugni, Gabriel, Elano, Rodolfo e Everton
Atacantes: Hernane, Paulinho, Negueba, Alecsandro, Igor Sartori e Nixon

Com as contratações, o elenco do Flamengo acabou ganhando em experiência e nomes que podem fazer a diferença. A amnutenção do Hernane e Léo Moura e a chegada de jogadores como Elano, Alecsandro e Everton darão experiência a um elenco que já foi campeão. Para completar a lista, o técnico Jayme usou jogadores da base, recurso utilizado em outros anos por outros treinadores.

Essa é a terceira participação do Flamengo em cinco anos, sempre em ano par. Veja os elencos que foram inscritos na Libertadores desses anos, de 2010 e 2012 e compare com o de 2014.



Observando os inscritos, acho o elenco de 2014 mais forte do que 2010 e 2012. Se nesses anos tínhamos jogadores que poderiam ter se destacado, como Adriano, Love e Ronaldinho, em 2014 temos um grupo mais forte em cada setor. Os jogadores da defesa de 2012 e os meias  2010 (tirando o Pet) davam vontade de chorar.

Caso passe para a segunda fase, há possibilidade na mudança de cinco jogadores dessa lista acima.

A sorte está lançada. Temos um bom elenco, com jogadores que podem nos trazer muitas alegrias. Estou confiante numa boa campanha. E você?

Responda o #OpinaAí sobre isso

#OpinaAí 13



O OpinaAí, que é um quadro onde a gente pergunta coisas relacionadas ao Flamengo para saber a sua opinião, vem com duas perguntas para você responder.

A primeira pergunta foi: Qual é a melhor contratação do Flamengo para 2014?

A segunda pergunta foi: Você acredita no título da Libertadores em 2014?





@Flamengo muda seu nome em perfis de Redes Sociais

@Flamengo muda seu nome em perfis de Redes Sociais



O Flamengo anunciou, na tarde desta segunda-feira, a mudança de nome do seus perfis em Redes Sociais.

Na semana passada, já tinha sido divulgado que a área que cuida das Redes Sociais do clube estava começando um trabalho para dar o fim de fakes relacionados à imagem do clube.

Parece que o primeiro passo foi dado, com a mudança dos nomes dos perfis do Twitter e do Instagram, Agora, eles tem o nome de FLAMENGO, como o nome do clube e não mais variações, como era antes da mudança.

A página no Facebook continua sendo FlamengoOficial, já que o nome Flamengo já está ocupado. Aliás, o próximo objetivo do Departamento de Comunicação do Flamengo é passar o Corinthians no Facebook e se tornar o clube mais curtido do Brasil. E  só se conseguirá isso se a Nação se unir. Divulgue e peça para os seus amigos curtirem a Fanpage Oficial do Flamengo no Facebook, o perfil oficial no Twitter e no Instragram.

Parabéns ao Departamento de Comunicação do Flamengo. É uma grande vitória!

Tudo Erazo!

Tudo Erazo!

Numa noite que em que nada deu certo e que os jogadores estavam com a cabeça em outro lugar, que não era o Maracanã, perdemos a primeira partida do ano, num clássico, com direito a Olé do adversário e torcedor ficando ressabiado com o time. Com destaque para a nulidade do Paulinho, Amaral achando que é meio de campo ofensivo, Erazo numa noite que nada deu certo e Maracanã vazio, o time de terceira fez barba, cabelo e bigode.

http://www.lancenet.com.br/fotos/Flamengo-Fluminense-Rossana-Fraga-LANCEPress_LANIMA20140208_0173_47.jpg

Aconteceu no Maracanã a mesma coisa que houve no fim do ano passado com a Copa do Brasil x Brasileirão. Os caras estavam motivados para jogar a Copa do Brasil, mas quando chegavam no Brasileirão, se arrastavam. Sim, a motivação conta muito e era nítido, depois do primeiro tempo técnico, que o time do Flamengo estava mesmo com a cabeça na Libertadores. Não sei se dá para criticar, mas se é para ser assim, se esse é o perfil do time (e não é fácil mudar o perfil de um time, ainda mais campeão), porque "brigar" contra isso? Coloca os reservas em campo para esses jogos que tem a Libertadores logo após e foca no que eles querem. Não acho isso certo, mas funcionou na Copa do Brasil. E parece que, com esse grupo (assim como eu qualquer outro), motivação é muita coisa. Muitas vezes, para se ter um grupo campeão, é necessário enxergar coisas diferentes do que o paradigma apresenta.

Infelizmente, Paulinho não voltou para o ano de 2014 e já já, do jeito que Gabriel, Mugni e até a disposição que o Everton entrou ontem, vai perder a vaga e titular. Importantíssimo no esquema do Jayme, como ele não anda fazendo a correria que encantou a torcida, acho que o time vai perdendo a força. A participação dele pelo lado esquerdo era uma das forças ofensivas do Mengão e não é o primeiro jogo que ele vai mal.

Outro que foi mal demais  foi o Amaral. Com a vontade de repetir o feito da primeira partida da Copa do Brasil, ele se lançou ao ataque de uma forma bisonha e inacreditável. E o que aconteceu, além de chutes e mais chutes ao gol do Cavalieri? Conca foi o melhor do jogo, desfilando em campo. Não dá para primeiro homem de meio de campo estar na lateral direita com o Flamengo perdendo de 1x0. NÃO DÁ! A desorganização tática do "vamo lá porr*" só serve (e olhe lá!) para os últimos cinco minuto de jogo. No primeiro tempo de um jogo é desorganização tática. É lamentável.

Que noite infeliz do Erazo. Para mim que acha que os três gols foram falha dele, seria uma noite para sair do Maracanã xingando até a quinta geração do equatoriano. Pelo menos serviu para mostrar que o zagueiro titular é mesmo o Samir, que não pode ser reserva desta zaga. MESMO! O menino vem com ritmo de jogo entrosado com o Wallace e fazendo bons jogos. Pra que mexer no que está dando certo. Além do mais, depois de só ver chutão,  estou esperando a tal elegância que disseram que vinha com o Erazo.  Ou essa elegância era só no festival de dança que ele participou?

Para terminar, num jogo que é notório que falta o algo a mais para o time dentro de campo, que só poderia ser mudado se  aquela que, para muitos, faz a força do Flamengo, tivesse ajudado, não aconteceu. Sabe por que? Com ingressos a três digítos, Diretoria, os quase 20 mil que foram ver esse jogo foram raçudos e tem a minha admiração. Os demais devem ter seguido a recomendação do perfil oficial do clube e ficaram no conforto do seu lar, fazendo parte da #FlaSofa, que é o tipo de torcida que entra com a grana, não entra com o grito. Tipo de torcida que o Flamengo de hoje parece preferir.

Nosso próximo jogo é contra o Léon, no México, na estreia da Libertadores. Jogo difícil, complicado, mas acredito que não haverá falta de motivação. A chance que o Flamengo tinha de dar tudo errado foi a noite de horrores que vimos ontem. Tudo Erazo!

Avalie os jogadores - Flamengo x Fluminense - Carioca 2014

Avalie os jogadores - Flamengo x Fluminense - Carioca 2014



Flamengo perdeu por 3x0 para o Fluminense no Maracanã. Dê as notas para os nossos jogadores:




Veja aqui a média geral dos jogadores

Responsável por aquilo que cativou

http://2.bp.blogspot.com/-aiqESVpL2VY/TbP4H7yhWLI/AAAAAAAABQ4/wUUB-6V-Abo/s1600/fla%2BX%2Bflu.jpg

Chegou o dia do Fla-Flu. O primeiro clássico do Flamengo no ao de 2014 é contra o time que ele vem travando debates fora do campo, com direito aos presidentes dos clubes discutindo via imprensa e torcedores arrumando as mais diferentes hipóteses para defender o seu lado. Se já foi lançado que o Fla-Flu começa 40 minutos antes do nada, pode ter certeza que ele não termina quando o juiz apita.

Se eu fizesse parte do lado florido do clássico, eu pensaria duas vezes antes de ir ao Maracanã. Não deve ser fácil enfrentar o time invicto do campeonato que mete goleada tanto com o time titular quanto com o reserva, além do time reserva do reserva ter 100% de aproveitamento. Não deve ser fácil ter o artilheiro do time entregue ao departamento médico mais uma vez enquanto o do adversário, aquele que fez até gol de letra ano passado no Maracanã,  faz 4 gols num jogo.

Definitivamente, eu não queria estar no lado dos flores nesse clássico. Vão, certamente, escutar o tempo todo que são da segunda divisão. A explicação do pai para o filho que o Fluminense não é o time de segunda vai por água abaixo. E nem adianta fazer mimimi. Está na lembrança a generalização babaca que todo rubro-negro é marginal porque o goleiro do time foi preso por assassinato. As piadinhas e o bla bla bla com o Bruno eram legais, mas não se pode falar da inacreditável coincidência que só acontece com o Fluminense, né? Engole o choro e encara.  Fazer concurso cultural para escolher a melhor defesa para o Fluminense é mole. Quero ver é interpretar O Pequeno Principe de verdade e entender que se é responsável por aquilo que cativa. Quando o presidente do Fluminense vai para a imprensa falar do Flamengo (e de outros clubes),  alimentando uma discussão que já estava esfriando para tentar ganhar "pontos" com a torcida, não deve reclamar da (s) resposta (s).

Aliás, acho que o turma de lá está certíssima em inventar uma desculpa bacana, justa e digna como os tricoletes fizeram, usando um motivo que está sempre em voga com essa diretoria que não se acerta com os valores dos ingressos. O boicote por causa do preço dos ingressos determinado pelo mandante do jogo (o Flamengo!) vem a calhar para a turma que diz que nada tem a ver com o aparecimento de tapetes sobrevoando o país do futebol. Sim, sou daquelas que não acreditam em coincidência. Um fato acontecer QUATRO VEZES não é coincidência e ponto final.

O time que o Flamengo colocará em campo contará com a estreia do Everton e com a ausência, até no banco, do Cadu. Parece que o Jayme cansou do canhoto barrigudinho que não consegue emplacar boas atuações no Mengão. A provável escalação do Flamengo será:



Vamos para cima deles, Mengoooo!


O presidente que o Flamengo merece!

O presidente que o Flamengo merece!
http://p2.trrsf.com/image/fget/cf/619/464/images.terra.com/2013/04/12/bandeirademellodanielramalhoterra.jpg

Lembro como se fosse antes de ontem o dia impugnação da candidatura do Wallim Vasconcellos a presidente do Flamengo. Como era o candidato de oposição que vinha para "brigar" com a da situação, a Patrícia Amorim, vi gente que a queria fora do Flamengo esbravejando horrores e vi gente que queria a continuação da Patrícia comemorando como se fosse título. Rapidamente, a então Chapa Azul colocou outra pessoa no lugar do Wallim, que continuou tendo muita força dentro dessa Chapa.

O tempo passou, o Eduardo Bandeira de Mello (o escolhido) desbancou a Patrícia Amorim e foi a vez dos que esbravejaram a impugnação, comemorarem em alto e bom tom em restaurante no Leblon com músicas rimadas. Enquanto dezenas comemoravam, o presidente do Flamengo se mantinha numa mesa, sentado, acessível e sereno. Sim, eu estava lá e presenciei isso.

Demorou um ano inteiro para que o Wallim, agora Vice-Presidente de Futebol, encontrasse o equilíbrio entre o que falar e o que não falar. Passei um ano inteiro torcendo para que Wallim acertasse o tom das suas entrevistas e que representasse tudo aquilo que EU achava que o Flamengo não teve durante anos. Parece que ele encontrou esse equilíbrio. Entendeu que o jogar para a torcida não faria dele um dirigente melhor e trabalhou de dentro para a fora, organizando o departamento de futebol (sei que não é um trabalho só dele). Sei há coisas para serem melhoradas mas a diferença, para quem acompanha o dia a dia do Flamengo, é gritante.

O que o Wallim, que seria nosso presidente, demorou um tempo para enxergar e se equilibrar, o Eduardo Bandeira de Mello foi mais rápido. Entendeu o que era o cargo, colocou seus desejos como torcedor de ver o Flamengo "certo" em cima da mesa e vem transformando, com ajuda de outras pessoas, a cara de um Flamengo que não se faz mais de vítima e nem arruma desculpas para erros infundados e inacreditáveis. Os erros, que acontecem, são resolvidos internamente, como foi o da escalação do André Santos no jogo contra o Cruzeiro. Você viu algum dirigente esbravejar o nome da criatura?  Se fosse em outros tempos, teríamos jornal fazendo reportagem com a família da pessoa. Ou não?

A linha ponderada/torcedor/líder do presidente do Flamengo me agrada e muito. Se os jogadores fazem a galera vibrar com gols e dribles, o presidente consegue despertar o orgulho dos mulambos cantando um  "ninguém cala esse chororo" no Maracanã e "meu livro de cabeceira não é o pequeno príncipe".  Não perder a linha, nem a classe é essencial para uma administração ponderada, que todo torcedor deseja, como líder que o Flamengo precisa.

Sou fã do presidente do Flamengo. Finalmente, temos um presidente que o Flamengo merece!

Deixa de bobeira, deixa de bobagem...

Deixa de bobeira, deixa de bobagem...

Alecsandro comemoração no jogo Flamengo e Boavista (Foto: Guito Moreto / Agência O Globo)

... já virou sacanagem! Mas bem que poderia ser goleada também. Pelo segundo jogo seguido, o Flamengo fez 5 gols, goleou o adversário e segue mais líder do que nunca. E invicto! Olááá, seu líder e invicto!

O jogo começou esquisito. Antes do primeiro tempo técnico (e nesse jogo sim, essa parada se fez necessária por causa do horário ridículo que colocaram esse jogo no bairro mais quente do Rio de Janeiro), o Flamengo já perdia de 2x0 e com o time igual barata tonta dentro de campo. Santa agua benta, santa conversa e santo intervalo. Como um caminhão que atropela quem passa pela frente, o Flamengo terminou o primeiro tempo ganhado de 3x2 e ate o fim do jogo, ampliou esse placar, com direito a gol de estreante e três gols do também agora artilheiro do Carioca, Alecsandro.

Não há como negar que o time reserva do Flamengo é competitivo. Se o time formado pelo banco do time reserva estava invicto na competição e o titular manteve a invencibilidade, o time reserva manteve o padrão. E que padrão. Numa tarde inspirada do artilheiro Alecsandro, com boas estreias do lateral Léo (que fez o último gol do jogo) e do argentino Mugni e outra boa atuação do menino Gabriel, o Flamengo despachou o time de Oftalmologistas. Se a zaga não esteve bem no inicio do jogo, com Gonzalez lento e João Paulo perdido, o ataque fez a sua parte e levou o Flamengo à vitória.

Foi a segunda goleada, fazendo cinco gols, em menos de uma semana. Sabe o que isso significa? Que são 10 gols marcados. Agora me diz uma coisa: se você fosse o próximo adversário de um time que vem marcando cinco gols a 2 jogos, com os mais diferentes jogadores, como você ficaria?  Tremei, tricoletes, treimei! Tomem de 5 porque se tomarem de um gol a menos, a piada e pronta e eterna.

Nosso próximo adversário é o TapetenC, no sábado, no Maracanã. Vale a liderança do Carioca, já que Flamengo e Fluminense estão na primeira e segunda colocação, respectivamente. É hora de colocaro time em campo e fazer o "apront"  final para a estreia da Libertadores, que será na próxima quarta-feira, dia 12 de fevereiro.

Sábado é dia de rubro-negro no Maraca! Ah, se os preços dos ingressos tivessem colaborado...

Se vier outra goleada por aí, pode pedir música no Fantástico?

Avalie os jogadores - Boavista x Flamengo - Carioca 2014

Avalie os jogadores - Boavista x Flamengo - Carioca 2014



o Flamengo aplicou a sua segunda goleada no Campeonato Caricoa, outra vez por 5x2. A vítima da vez foi o Boavista e teve hat trick, do Alessandro.

Dê as notas para os nossos jogadores:




Veja aqui a média geral dos jogadores

Duas possíveis estreias e liderança em jogo!

http://media-cdn.incondicionais.com.br/media/reportero/149/4/7/1/3/n_20140119195920_sem_alecsandro_fla_apresenta_reforcos_para_2014_no_maracana.jpg

Esse início de ano, depois de 8 contratações, é normal cada jogo a gente ter uma estreia. E amanhã parece que teremos duas: o lateral Léo e o meio de campo argentino Lucas Mugni.

O jogo é  17h, num péssimo horário para que trabalha e como não está mais em período de férias, fica complicado para a garotada. O jogo será um Moça Bonita, em Bangu, no campo mais feio de todo esse Cariocão.

A possível escalação é essa aí:




Precisamos nos manter na ponta, então três pontos por favor, mesmo com essa zaga esquisita e esse ataque que é duro e aguentar. Vestiu o vermelho e preto, é para apoiar.

Vamos pra cima deles!

No fim do jogo, vai ter o espaço para você dar notas aos jogadores. Divirta-se!
 

Belo início de ano do Gabriel no Flamengo

Belo início de ano do Gabriel no Flamengo
http://l1.yimg.com/bt/api/res/1.2/.YCXPKNUR67aSbinFoA5qg--/YXBwaWQ9eW5ld3M7Y2g9MjAwMDtjcj0xO2N3PTMwMDA7ZHg9MDtkeT0wO2ZpPXVsY3JvcDtoPTQyMDtxPTg1O3c9NjMw/http://l.yimg.com/os/publish-images/sports/2014-01-25/95f9d778-0171-4d6f-9801-1c04e93d5c93_Alecsandro-e-Gabriel.jpg

Estou até com medo de elogiar mas o garoto anda merecendo. Contratado no início do ano passado como revelação do Campeonato Brasileiro de 2012, Gabriel veio do Bahia e, logo que chegou, o Flamengo detectou que precisava passar por um programa de fortalecimento muscular para ter um melhor desempenho.  Com um ano de 2013 bem irregular e não aproveitando as chances que teve, parece que o ano de 2014 começa de uma forma diferente. As participações do Gabriel nos últimos jogos do Flamengo foram dignas de elogio, sim senhouuuures e senhouuuuras!.

E muito das atuações melhores do que teve em 2013 deve-se a disposição que o garoto vem entrando nos jogos. Ele foi um dos maiores responsáveis pelo emapte contra o Duque de Caxias, quando o Flamengo estava perdendo de 2x0, fez um gol e no jogo contra o Macaé deu um passe açucarado, depois de uma boa jogada, para Hernane fazer o quarto gol da goleada.

E quer saber? Prefiro o Gabriel que tem a disposição de fazer alguma coisa, mesmo se afobando quase sempre, do que o Carlos Eduardo, que cada vez mais vem se tornando um jogador a menos em campo pelo Flamengo. Chega desses jogadores sem disposição vestindo o Manto. Disposição é o mínimo que tem que se ter.

Não acredito que, ao longo da temporada, o Gabriel possa se titular  com Mugni e a possível volta do Elias (sim eu ainda acredito!). Mas ele pode se transformar (se é que já não se transformou, pelo menos no Carioca) numa boa opção para mudar a "energia" do jogo, principalmente quando o Flamengo tiver que ir ao ataque.

Show do Hernane, vitória do Mengão!

Show do Hernane, vitória do Mengão!

Há quanto tempo um jogador do Flamengo não fazia 4 gols num jogo só? A quanto tempo o Flamengo não tinha um time que jogava para servir um atacante e esse atacante correspondia colocando a bola no GOOOOOOOOOOOOOOL? Pois é, agora nós temos isso. E pasmem, é o Brocador. Deve ser sorte. Afinal de contas, ele não joga nada, né?

Avalie os jogadores - Flamengo x Macaé - Carioca 2014!De notas de 0 a 10!

Não tem como não ficar felizona com uma goleada do Flamengo. Na boa? Tô nem aí se era o Macaé do outro lado. Adoro goleada a favor e pode ser contra  qualquer time. Comemoro mesmo!

felipe Flamengo x Macaé (Foto: Tiago Ferreira)

O jogo contra o Macaé começou com um penalti feito pelo Léo Moura e com uma defesa dupla sensacional do Fiiiiiliiiipiiiii! Aliás, não foi a única defesa dele no jogo. Em alguns momentos, Felipe apareceu bem e evitou gols do Macaé, fazendo essa goleada ser elástica.

GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL DO HERNANE!

E a defesa no penalti inspirou os jogadores do Mengão. Inspirou tanto que, já no final do primeiro tempo, Hernane já tinha feito três gols, Flamengo já ganhava de 3x1 e eu estava tranquila para o segundo tempo.

No segundo tempo, com Gabriel entrando mais uma vez bem, deu um passe para o Hernane fazer o quarto gol. O estreante zagueiro equatoriano foi expulso e
Negueba que entrou no finalzinho do jogo fez um golaço.

Ganhamos sem fazer muito esforço. Elano e Muralha deram um equilíbrio bacana ao meio de campo num time que se prepara para a estreia na Libertadores, dia 12 de fevereiro. Confesso que estou ansiosa, embora saiba que não se pode dar mole no Carioca. A ponta da tabela é o objetivo máximo e manter esse domínio é questão de honra.

Nosso próximo desafio é quarta-feira às 17h, pelo Carioca. Vamos rumo a mais três pontos!

Avalie os jogadores - Flamengo x Macaé - Carioca 2014

Avalie os jogadores - Flamengo x Macaé - Carioca 2014




O Brocador desencantou! Eu já estava sentindo saudades dessas goleadas do Flamengo no Estadual, o Macaé foi a vitima da vez.

Vamos avaliar os nossos jogadores? É só clicar na estrelinha, dando as notas. :)




Veja aqui a média geral dos jogadores

Homenagem musical para o Flamengo: “Embriaga a Nação”

Homenagem musical para o Flamengo: “Embriaga a Nação”
http://i1.ytimg.com/vi/F79zhTapQhM/hqdefault.jpg

Não é novidade para ninguém o quanto o Flamengo é homenageado pelos mais diferentes artistas e ritmos musicais na história. Vem aí mais uma música falando dessa paixão linda de viver. Estou falando da música “Embriaga a Nação”, da banda Coma Alcoólico, que é a faixa 10 do CD Centenário de Paixão, projeto das Embaixadas da Nação feito em homenagem aos 100 anos do futebol do Flamengo.

Dá uma espiada:



A temporada etílica do Coma Alcoólico começa com o lançamento do videoclipe da música “Embriaga a Nação”, rock criado para o CD Centenário de Paixão, projeto das Embaixadas da Nação feito em homenagem aos 100 anos do futebol do Flamengo, lançado em novembro de 2012. A produção também comemora o título da Copa do Brasil 2013, o terceiro do time rubro-negro na competição.

FICHA TÉCNICA

Videoclipe

Música: "Embriaga A Nação" / Banda: Coma Alcoólico

Direção: Alex Silveira / Direção de fotografia: Léo Siqueira / Finalização e edição: Toninho Junior / Produtora: Açaímilombra / Álbum: Centenário de Paixão

Gravação Big Boss Studio

Cabeto: guitarra solo e vocal / Eduardo C. Mendonça: guitarra e backing vocal / Fernando Murad: baixo e backing vocal / Filipe Schiavon: bateria / Rafael Siano: produção

Duas estreias e preparação para a Libertadores



Maaaais um jogo do carioca para o Flamengo se acertar para a Libertaodres. Se os jogadores pensam assim, quem sou eu para discordar? O Flamengo continuará a usar o Carioca para que o técnico Jame de Almeida possa observar os jogadores que tem para usar durante o ano de 2014.  E, além de usar os jogadores considerados reservas, nesse domingo, em Volta Redonda contra o Macaé, ele poderá usar mais dois jogadores que foram contratados nesse inicio de ano: o lateral Léo e o zagueiro Erazo.

Mais do que o zagueiro equatoriano Erazo, que muitos consideram titular no lugar do Samir, quero observar o lateral Leo, que veio do Atlético Paranaense. Dependendo da performance no time nas competições que forem disputadas de forma paralela, o Léo Moura, titular absoluto da posição há anos, deve ser poupado em mais partidas que o ano passado. E só o rubro-negro que vê jogos sabe o quanto sofremos com o menino Digão naquela lateral.

O resto do time será o que já vem jogando, os chamados "titulares". Claro que essa escalação acima pode sofrer alteração, ainda mais no período de testes que o Flamengo se encontra.

Como o TapetenC ganhou o seu jogo, precisamos da vitória para continuar na liderança do Cariocão. Além disso, é sempre bom manter a invencibilidade, sem derrota. Derrota é coisa de mané e mané passa longe de quem usa o rubro e o negro.

Vamos para cima do Macaé, Mengão!

* E após o jogo, não se esqueça de voltar aqui no blog para dar notas para os jogadores. :)

Derrota no Fla Basquete e expectativa para a Liga das Américas

http://1.bp.blogspot.com/-0WWBGT-_WqU/Ust5pn_VGgI/AAAAAAAATYA/gJDIIsFuAm0/s1600/Marcelinho.jpg

Flamengo perdeu a invencibilidade que já durava de 11 jogos no NBB 6.  E o "carrasco" foi o time do Pinheiros, um dos times que já havia derrotado o Flamengo nesse campeonato.  A  vitória paulista foi por 80 a 71 (34 a 30) e foi o quarto resultado negativo do time carioca, que segue na liderança isolada da competição.  Porém, mesmo com um deslize no final (tanto no primeiro tempo quanto no segundo) e o baixo número de cestas no primeiro tempo, gostei do que vi.

E como joga o argentino, o Laprovittola, mesmo não tendo feito uma das melhores partidas dele o Flamengo. Com a volta do Marquinhos, que embora não tenha jogado muito tempo contra o Pinheiros, deve entrar mais nos próximos jogos, e a eficiência do argentino e do Marcelinho,  vai ficar complicado ganhar do Flamengo. E falo isso pensando também na Liga das Américas, motivo pelo qual o Flamengo está antecipando jogos do NBB e jogou com a diferença de dois dias nessa última semana. O Flamengo participa da Liga das Américas por ter vencido o NBB, joga a sua chave entre os dias 14 e 16 de fevereiro.

Continuamos em primeiro no NBB 6 e seguimos nos preparando para a Liga das Américas. Mais um titulo internacional não fará mal a ninguém.