O fim dos esportes olímpicos profissionais no Flamengo





Sou uma entusiasta dos esportes que são considerados olimpicos. Por mim, o Flamengo teria time de voleibol feminino e masculino, basquete feminino, handebol. equipe de natação, judô, atletismo... Seríamos uma super potência esportiva, com atletas olímpicos passeando pela Gávea, vestindo o Manto e fazendo o Flamengo ser uma referência internacional. Mas para isso, precisa-se de dinheiro. Precisa-se de investimento. Precisa-se de patrocinador.

A diretoria do Flamengo, que já tinha acabado com a equipe de Natação que a Patricia tinha contratado, acabou com as equipes profissionais do Judô e Ginástica. Ficaram desempregados atletas como Diego Hypolito, Jade Barbosa e Danielle Hypolito, no caso da ginástica. No judô, perdem o emprego nomes importantes, como a técnica da seleção brasileira feminina, Rosicléia Campos, Érika Miranda, João Gabriel Schillitler, Breno Viola e Nacif Elias, dentre outros.

O fato é que esses esportes sempre dependeram do dinheiro do futebol para sobreviver. Os patrocinadores que existem não cobrem o valor de custo dos esportes. Para completar, os três estão em baixa no mundo dos esportes, o que dificulta a obtenção de patrocinio. Se quando Diego Hypolito era campeão mundial, o Flamengo não conseguiu patrocinio para bancar o esporte, imagina agora que ele vem de fracasso nas olimpiadas de Londres? E não ache que estou desmerecendo e não valorizando as conquistas deles. Mas a verdade, nua e crua, está ai para ser analisada.

A vinda de Alexandre Póvoa veio para organizar o esportes olimpicos do Flamengo. E se eles acharam por bem dispensar todo mundo para zerar o "departamento" e assim ter dinheiro e projetos  para fazer novas coisas, que assim seja. Por enquanto, segue o remo e basquete com equipes profissionais e os outros esportes como formadores e escolinhas desportivas. Se faltará grandes ídolos para alavancar as próprias escolinhas, cabe a diretoria, que os dispensou, arrumar estratégias para cobrir essa falta.

Aguardarei e conferirei.



Comente:



Nenhum comentário

Comente, sempre, com educação. Se você é do Twitter, do Facebook ou de outra rede social, deixe o seu contato para que eu possa agradecer.
Ah, não esqueça nunca: UMA VEZ FLAMENGO, SEMPRE FLAMENGO!

Tecnologia do Blogger.