Rever é um bom nome para a zaga mas...







Reza a lenda e bom senso que, antes de cornetar um reforço que o Flamengo traz, é bom ele entrar em campo e fazer por onde. Juan, o zagueiro, demonstrou o quanto a cornetagem antecipada pode ser desnecessária. Se houve critica na contratação do zagueiro, as boas atuações calaram as cornetas mais ferozes. Assim deve ser com o Rever.

Rever é um bom nome mas só o nome não joga. Ele terá que lidar com as cobranças (e elas serão muitas, principalmente no inicio). O histórico da lesão no tornozelo, a necessidade do Flamengo precisar de um bom nome para o setor e o salário acima do que o Flamengo costuma pagar farão essa pressão em cima dele ser grande. Espero que consiga ter um bom desempenho.

O zagueiro que teve ótimas atuações pelo Atlético, tem um bom porte, é bom na bola aérea e impõe respeito. Para quem corria o risco (?) de entrar em campo com dois zagueiros na base por falta de jogador, a contratação de dois zagueiros numa semana alivia o peso do técnico e dos próprios zagueiros. Só não alivia mesmo a barra da diretoria do Flamengo, que vem demonstrando que o planejamento é lamentável.

O jogador assinou por um ano, emprestado pelo Internacional.

Lista de títulos do Rever:

Copa do Brasil (2005) - Paulista
Campeonato Mineiro (2012) - Atlético-MG
Campeonato Mineiro (2013) - Atlético-MG
Copa Libertadores da América (2013) - Atlético-MG Copa do Brasil (2014) - Atlético-MG Recopa Sulamericana (2014) - Atlético-MG
Campeonato Gaúcho (2015) - Internacional Recopa Gaúcha (2016) - Internacional Campeonato Gaúcho (2016) - Internacional
Superclássico das Américas (2011) - Seleção Brasileira Superclássico das Américas (2012) - Seleção Brasileira Copa das Confederações (2013) - Seleção Brasileira

Comente:



Nenhum comentário

Comente, sempre, com educação. Se você é do Twitter, do Facebook ou de outra rede social, deixe o seu contato para que eu possa agradecer.
Ah, não esqueça nunca: UMA VEZ FLAMENGO, SEMPRE FLAMENGO!

Tecnologia do Blogger.