É preciso ter cuidado na estreia fora de casa!







Vamos para o segundo jogo da Libertadores 2017. Desta vez, fora de casa, contra a Universitad Católica, no Chile. E não teremos moleza. Todos os ingressos para a torcia deles foram vendidos. Isso significa que teremos que superar time e caldeirão, típico de Libertadores.

Assim como foi com o San Lorenzo aqui, o time do Flamengo deve sentir a atmosfera. E não estou fazendo uma previsão pessimista, até porque nosso time tem condições de sair do jogo com um bom resultado.

Nosso time:

Além de ter jogadores experientes, que já jogaram em campos sul-americanos de muitos países, gosto da unidade de time que o Flamengo está formando. Se não fosse o posicionamento do Rômulo e Arão, que muitas vezes eles parecem vendidos em triangulações adversárias, meu coração estaria mais calmo.

Do time que entrou em campo na estreia da Libertadores, não teremos o Mancuello, que ficou no Rio para tratamento. A dúvida do time titular está aí: vamos de Gabriel ou Berrio?

Nosso adversário:

O time da Universidad Católica é bicampeão chileno, empatou com o Atletico PR fora de casa, lutando até o fim pelo resultado. Venceu no final de semana por 4x1 e tem bons jogadores. Ou seja, é um time enjoado, que vai usar o fator casa para derrotar o Flamengo.

É para os três pontos!

Todo cuidado é pouco, principalmente nos minutos iniciais do jogo. Cuidado com cartões e possíveis expulsões e entradas mais violentas. Embora eu não goste muito de usar a palavra "guerra" para um esporte, é mais ou menos isso que o Flamengo deve esperar. Ou você espera moleza?

É o segundo passo de uma longa, espero, caminhada. Vamos com calma, inteligência e


Nenhum comentário

Comente, sempre, com educação. Se você é do Twitter, do Facebook ou de outra rede social, deixe o seu contato para que eu possa agradecer.
Ah, não esqueça nunca: UMA VEZ FLAMENGO, SEMPRE FLAMENGO!

Tecnologia do Blogger.