Pós-Jogo: Resultado horroroso e a linha do Equador




http://u.goal.com/325700/325765hp2.jpg

Sei muito bem as limitações do time do Flamengo. Sei que, de repente, não temos o time que sonhamos, nem um craque para chamar de nosso e nem esse grupo de jogadores desperta qualquer tipo de confiança, mesmo com um jogo estando 3x1 para a gente. Mas precisa dar esse choque de realidade todo o jogo? Precisa ter um pensamento de que o time é isso aí mesmo e por causa disso não podemos almejar coisa melhor no Brasileiro 2013 que não seja brigar por rebaixamento?

Sabe aquela história que o medo de perder tira a vontade de ganhar? Anda acontecendo com o Flamengo. Cheguei a conclusão depois da entrevista do Elias no final do jogo. E tem muita gente achando que ele tem razão quando falou que o empate contra o Vasco foi um bom resultado, já que nos afastamos da zona de rebaixamento. Não, gente! Ele não tem razão. O resultado de empate contra o Vasco foi péssimo. De novo, perdemos pontos para time que está na zona de rebaixamento e dessa vez com o mando nosso.

Mais uma vez, dominamos o primeiro tempo, tivemos chances e não matamos jogo. Hernane marcou mais um gol numa linda jogada do Paulinho. Carlos Eduardo não vinha mal, André Santos andando em campo e Elias mostrou que vem caindo de produção mesmo: não jogou bem na sua posição nem quando foi mais adiantado, depois da entrada do Luiz Antonio no meio de campo. Tomamos gol em mais uma falha do João Paulo na defesa, levamos pressão do Vasco, com jogadores que nem me lembro o nome. Tínhamos, de repente, uma excelente opção para mudar o panorama do jogo, mas o Rafinha que entrou faltando 4 minutos para acabar o jogo fez apenas uma boa jogada. Fico imaginando o que leva um técnico colocar em campo um jogador como o Rafinha (que precisa de jogadas, tempo, espaço em campo) faltando 4 minutos para acabar com o campo. Improvável que seja vontade de ganhar. Se fosse, teria colocado o menino (ou qualquer outro) com tempo para jogar. Substituições burocráticas, atuações para não se arriscar e jogadores querendo que o jogo acabasse porque não tinham mais pernas para correr. Não me estranha que esse empate tenha sido considerado um bom resultado. Lamentável.

Além disso tudo, perdemos a chance de encostar de vez no G-4. Talvez, a última grande chance de encostar no G4. Para quem acha o time do Flamengo muito ruim, se ele não tivesse dado mole contra o Inter lá e contra a Portuguesa em Brasília, estaríamos na parte de cima da tabela. Como é que pode achar que o Flamengo só pode lutar contra o rebaixamento num campeonato desse? 

Não consigo entender como se evoca o grande Flamengo de outrora se o discurso do torcedor é de time de segunda divisão, nem como não curtir o Flamengo em campo, mesmo com todos os perebas e jogadores em fase ruim que temos. Não consigo entender essa acomodação e esse conformismo de torcer para um time não cair. Deve ser mais fácil torcer para o Cadu não jogar nada e dizer que tinha razão quando o Pelaipe/Flamengo contratou um jogador que não jogava há dois anos. Deve ser mais legal criticar geral e debochar a situação o time que você torce. Deve ser tendência falar que o Flamengo está uma "merda" e que com esse time é o pior da história.

http://www.not1.com.br/wp-content/uploads/2011/11/foto-2.png

A realidade é que a relação do torcedor com o Flamengo tem uma linha paralela com o que anda acontecendo, tipo a linha do Equador. A grande maioria do torcedor rubro-negro está juntinho do trópico de Capricórnio.  Eu quero estar perto da Trópico de Câncer. Sei qual é a realidade do Flamengo e do seu time, não sou louca. Porém, eu PREFIRO acreditar que G-4 está logo ali. Esse tipo de coisa condiz mais com a minha história com o Flamengo do que ficar achando que fugir do rebaixamento é o que nos resta. É opção, é escolha. Faça a sua porque eu já fiz a minha.

Quinta-feira tem outro desafio pelo Campeonato Brasileiro, contra o Internacional. Para quem achou que o Elias tinha razão de empatar com um time que está na Zona do Rebaixamento é um bom resultado, vem aí uma sequencia "bacana", com jogos contra times que estão a nossa frente na tabela. Com esse pensamento, perder por pouco para esse times que enfrentaremos também será um bom resultado? A conferir.

Saudações Rubro-Negríssimas!


Comente:



Nenhum comentário

Comente, sempre, com educação. Se você é do Twitter, do Facebook ou de outra rede social, deixe o seu contato para que eu possa agradecer.
Ah, não esqueça nunca: UMA VEZ FLAMENGO, SEMPRE FLAMENGO!

Tecnologia do Blogger.