5 imagens do gol do Jorge contra a Ponte Preta

5 imagens do gol do Jorge contra a Ponte Preta

O segundo gol do Flamengo contra a Ponte Preta, do Jorge, foi uma pintura. E o fotografo Rodrigo Coca, em fotos que estão no site oficial do Flamengo, teve a felicidade de pegar o chute e a comemoração em imagens.

Acompanha só:








Golaço do Jorge e do fotógrafo. Sensacional!

Time do Flamengo foi valente e saiu com a vitória


https://1.bp.blogspot.com/-c4nt6LYyK1Q/V0sTHWg9P3I/AAAAAAAACRA/t0tJgHhYi3QEwzXEMQykLTi0-RPKG2WTACLcB/s640/Ze%2BRicardo%2Be%2BJorge%2BFlamengo.jpg

No jogo contra a Ponte Preta, não podemos reclamar de falta de disposição. O time do Flamengo foi valente e com um goleiro eficiente, conseguiu mais uma vitória no Brasileiro. A pressão da Ponte Preta foi facilitada pela expulsão do Fernandinho e pelo cansaço do time mas a valentia do time trouxe o resultado positivo.

A verdade é que o time não apresentou uma grande evolução com o Zé Ricardo. Ele manteve (ou procurou manter) a base deixada pelo Muricy. Manteve tanto que escalou uma das maiores barangas que o Fla contratou ultimamente e que foi expulso de uma forma bisonha no segundo tempo.

O golaço do Jorge, que acabou sendo o gol da virada e da vitória foi um presente ao rubro-negro que deu uma sofrida na manha de domingo. Manhã essa que mostrou que o Muralha, goleiro, pode ser mais útil do que a própria comissão técnica imagina. Com saídas de gol segura e uma defesa dificílima no final do jogo, ele mostrou que o Paulo Victor vai ter que acordar para a vida.

Olha aí os dois gols do Flamengo no jogo:

Primeiro gol, uma cobrança de falta do Alan Patrick:



Golaço do Jorge:



Nosso próximo desafio é contra o Vitória, na quarta-feira, às 21h.

Melhores momentos de Flamengo 89 x 84 Bauru - Jogo 3 das finais do NBB


FLAMENDO X BAURU, jogo 3, final NBB (Foto: André Durão)

O Flamengo recuperou a vantagem nas Finais do NBB 8. Neste sábado, a equipe do técnico José Neto vingou a derrota em casa no Jogo 2, superou o Paschoalotto/Bauru na lotada e calorosa Arena Carioca 2, pelo placar de 89 a 84, e abriu 2 a 1 de frente na série melhor de cinco da decisão do maior campeonato de basquete do país.

Veja os melhores momentos do jogo 3 das finais.



Vamos para cima deles, Fla Basquete

Fla Basquete está a uma vitória do título do NBB

Marquinhos, do Flamengo

O Flamengo está na frente na série final do NBB 8. Com uma vitória que poderia ter sido mais tranquila, o time ganhou por 89x84 e já pode ser campeão no próximo jogo, que será realizado no sábado que vem, em Marília.

Foi um jogão. Bem melhor o que a primeira partida dos dois times no ginásio que ninguém nunca tinha jogado.

O Flamengo contou com uma tarde inspirada de Ramon com 21 pontos e Rafa Luz - 17 pontos, seis rebotes e seis assistências. Marquinhos, com 19 pontos, também foi fundamental para o triunfo.

O lance polêmico do jogo aconteceu nos segundos finais, depois de uma marcação errada de bola presa da arbitragem gerou muitas reclamações do Bauru, quando Hettsheimeir já tinha o rebote, e Rafa Luz tentou disputar a bola. O placar era de 85 a 84 para os cariocas, que ficaram com a posse e seguraram a vitória até o fim, após permitir uma incrível reação dos rivais, que começaram o último quarto perdendo por 17 pontos (74 a 57).

Espia os melhores momentos do jogo:



O jogo 4 da decisão será no ginásio Neusa Galetti, em Marília, interior de São Paulo, no próximo sábado, dia 4 de junho, às 14h10 (horário de Brasília). Se necessário, o jogo 5 será novamente no Rio, no dia 11 de junho.

Chegou a hora do Zé Ricardo no profissional

Chegou a hora do Zé Ricardo no profissional
http://colunadoflamengo.com/wp-content/uploads/2016/05/20160516223243_6651-640x385.jpg

Ele já foi técnico do Sub-15, foi do Sub-20 e agora está nos profissionais. Na escada do futebol,  Zé Ricardo subiu os degraus com competência e resultados. Com a saída do Muricy do cargo de técnico, a diretoria do Flamengo resolveu colocar o Zé Ricardo como treinador interino e ele dirigirá o time contra a Ponte preta, na quarta rodada do Brasileiro 2016.

O Zé Ricardo precisa  ser blindado nas decisões que tomar. A diretoria precisa deixar a omissão de lado para valorizar um técnico que já demonstrou competência no futebol, dentro do próprio clube. O novo técnico precisa de espaço para trabalhar com os jogadores que tem e quer, sem que seja considerado se é medalhão ou não.

Zé Ricardo é um estudioso do futebol. Ficou sei lá quanto tempo invicto no sub-15, foi o técnico do time campeão da Copinha, é formado em Educação Física.  A ascensão dele não é de um dia para o outro, nem por acaso. Ele deve ter uns 20 anos trabalhando com o futebol, como técnico. Não é pouca coisa.

Espero que ele faça um bom trabalho, independente do tempo que ficar lá. Que ele tire o ranço do 4-3-3 do Flamengo e que traga de volta a organização em campo. 

Se a diretoria deixar o cara trabalhar, vem coisa boa por aí. Competência ele já demonstrou que tem.

Vai pra cima deles, Zé Ricardo e Flamengo!

É pra ficar na frente da série, Fla Basquete!

É pra ficar na frente da série, Fla Basquete!


http://www.flamengo.com.br/site/upload/noticias/20160526193333_794.jpg

Depois de perder um jogo que ninguém esperava, o Fla Basquete entra em quadra, de novo na Arena Carioca 2, para enfrentar o Bauru pela terceira partida da final do NBB 8.

Os jogadores do Flamengo sentiram demais a falta de referência para o arremesso. Os muitos erros de arremesso, tanto de 2 quanto de 3 demonstram que estar habituado a um ginásio é importante para a eficiência desse tipo de fundamento no basquete. No vôlei também acontece isso.

Espero que os jogadores consigam pegar essa referência e que eles melhorem o desempenho nos arremessos de três pontos, que são importantes na soma de pontos do time.

Vai pra cima deles, Fla Basquete. Vamos ficar na frente na série!

Siga o perfil do Fla Basquete no Twitter e curta a página no Facebook

Mais uma noite de desculpas!

Mais uma noite de desculpas!
http://cdn.foxsports.com.br/sites/foxsports-br/files/img/scaled/600x315/notes/materia/jayme-de-almeida-jogo-flamengo-640x480-getty.jpg

Mais uma noite de desculpas e explicações inacreditáveis. Com um gol de pênalti no último lance do jogo, o Flamengo empatou com a Chapecoense pela terceira rodada do Brasileiro 2016.

Não dá para reclamar que do pênalti mal marcado contra a gente. Nem que  isso deu uma desequilibrada no desorganizado time do Flamengo. A não ser que essa desequilibrada venha da saída do Juan, que se machucou no lance. O Flamengo jogou a maioria do jogo com a zaga vinda de base. Êta planejamento bom. 

Não dá pra usar o pênalti mal marcado como justificativa do resultado de um jogo que o Flamengo jogou mal. De novo! E olha que não posso nem reclamar de falta de empenho. Os jogadores saté que se esforçaram, mesmo alguns mal tecnicamente. Porém, não há time de futebol desorganizado que fique com à vitória. Até Paulo Victor andou salvando umas bolas no segundo tempo mas o bracinho de jacaré não falha e tomou mais um gol de falta. 

A perdição está tão grande que o técnico tirou um jogador de 19 anos alegando cansaço  e insistiu num jogador na mesma posição de ataque que jogou no vexame do time que não tem 20 dias. Vou nem comentar a expulsão cretina do Everton depois de tentar dar um balãozinho na intermediária defensiva e muito menos a bola perdida do Ederson que resultou na falta que rolou o gol de desempate dos caras.

Com a atuação de ontem, dá pra achar que o pênalti marcado antes dos 15 minutos do primeiro tempo é culpado de mais um resultado ruim neste ano? 

Não precisamos de mais desculpas. Não precisamos de técnico que acha que o time jogou quando o empate vem aos 49 minutos do segundo tempo e de pênalti. Nós precisamos de ação. Ação essa que tem que partir de fora de campo para dentro de campo. De uma vez por todas.

Saudações!


Guerrero: o piti não será perdoado!

Guerrero: o piti não será perdoado!
http://og.infg.com.br/in/18672659-d98-993/FT1086A/420/guerrero1.jpg

Os pitis repetidos do Guerrero vem me irritando. Sinceramente, depois de um ano inteiro jogando um campeonato de uma forma, não entendo como o jogador ainda recebe, repetidamente, cartão amarelo por reclamação.

Já no ano passado, a CONAF deu uma determinação para os juízes para coibirem a reclamação em excesso. E isso foi obedecido muito bem. Sem nem dar advertência, eles punem o jogador que reclama exageradamente. Pode ser por falta não marcada, pênalti realizado, impedimento que resulta ou não em gol, falta em colega de equipe que não é punido como o jogador quer. Não interessa o motivo: teve piti, amarela o cara. Isso não está na regra mas é uma determinação. Determinação que teve reação imediata: o número de cartões amarelos do ano passado aumentou consideravelmente.

Você percebeu que, até agora, só falei do ano passado, né? Ou seja, para esse ano, os jogadores já deveriam estar habituados ou ensinados ou avisados de que a reclamação será amarelada e o piti não será perdoado.

Contra o Grêmio, o Guerrero levou mais um cartão amarelo por reclamação. Se o Flamengo tivesse comando, seja ele qual for, algo já tinha feito. Já poderiam ter descontado salário por indisciplina. Já poderiam ter colocado um psicólogo (DE VERDADE, DE CAMPO!) para canalizar essa reclamação. Sabe por que? Porque isso prejudica o rendimento do Guerrero em campo e arrebenta a relação de um ídolo com a torcida. Não dá para estar satisfeita com um atacante que tem o maior salário do elenco e que tem mais cartão amarelo do que gol na sua passagem para o Flamengo.

Você pode achar que ele é provocado, que a reclamação do jogo contra o Grêmio estava certa ou até mesmo que a ansiedade para melhorar o desempenho está atrapalhando-o. Mas não dá para defender um atacante que tem mais cartão amarelo do que gol.

Guerrero está longe de ser o único problema do Flamengo. Mas vamos começar, por ele, a elevar o nosso grau de exigência.

Saudações!

Arena Carioca 2 vai ser um lindo palco para o Fla Basquete

 Arena Carioca 2 vai ser um lindo palco para o Fla Basquete

https://smsprio2016-a.akamaihd.net/news/iTAZQx/04-parque-olmpico-arenas-cariocas-credito-renato-sette-camara-prefeitura-do-rio1_1.jpg

Já não há mais ingresso da modalidade mais barata para o segundo e terceiro jogo da final do NBB 8. Ou seja: a Arena Carioca 2 poderá ficar pequena para a Nação levar o Fla Basquete a mais um titulo nacional.

O palco já está em fase final de montagem e tenho certeza que estará lindo. Além do segundo e do terceiro duelos, os dias 26 e 28, a quadra ainda irá receber os treinos das equipes finalistas nos dias 24, 25 e 27 de maio.

image

O primeiro jogo da final foi vencido pelo Flamengo, na casa do adversário.

Vale lembrar que a Arena Carioca 2 irá receber as provas de judô, luta greco-romana, luta livre e bocha paralímpica nos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de 2016.

Com ajuda da página oficial do Flamengo

Rebeca Andrade tem bom desempenho em etapa da Copa do Mundo

Rebeca Andrade tem bom desempenho em etapa da Copa do Mundo
http://www.flamengo.com.br/site/upload/noticias/20160522164756_861.jpg

No final de semana teve competição de Ginástica em São Paulo. Perto das Olimpíadas do Rio, que será em agosto, é bem legal ver esses atletas em ação, ainda mais quando 70% da seleção brasileira feminina é do Flamengo. 

Na etapa brasileira da Copa do Mundo, Rebeca Andrade conquistou duas medalhas. Rebeca conquistou a primeira medalha no sábado (21), nas barras assimétricas, depois de ter sido a melhor nas eliminatórias da prova. Na manhã deste domingo (22), a rubro-negra disputou a final da trave, também classificada em primeiro lugar. Na execução, a atleta sofreu uma queda que não a tirou do pódio. Rebeca ficou com o bronze, com 13,000 pontos.  Jade Barbosa participou como "Hours Concours", sem brigar por medalhas.

Vale lembrar que Flávia Saraiva, Jade Barbosa, Julie Sinmon, Letícia Costa, Milena Cristine, Rebeca Andrade e Thauany Araújo representam o clube e têm chance de estar entre as seis selecionadas para disputa dos Jogos Rio-2016.

As ginastas do Flamengo

5 certezas que tenho com o Flamengo atual


Algumas certezas, mesmo nos momentos de crise, a gente tem. O time do Flamengo, com as suas seguidas atuações ruins, falas de quem faz o futebol, de dirigentes a jogadores e demora da diretoria para ação também me faz ter várias certezas.

A saber: 

"Temos que trabalhar"

No Flamengo de hoje, é certeza que a conformidade da derrota vem com um "temos que trabalhar" ou coisa parecida. Parece até um mantra. O cara perde, chega usar a palavra paciência mas está que tem que trabalhar. Como se o trabalho fosse uma mão estendida para sair do fim do poço. O trabalho, no futebol pode ser tudo, menos a mão para sair do fundo do poço. No dia que quem faz o futebol do Flamengo entender isso, seja técnico interino ou jogador, eu acenderei uma veja, juro!

Cartão Amarelo pro Guerrero

Haverá cartão para o Guerrero em campo. No Flamengo, o maior salário do elenco tem mais cartão amarelo do que gols, que ele é contratado para fazer. TEM QUE AVISAR PRO GUERRERO QUE A MISSÃO DELE É MARCAR GOL E NÃO TOMAR CARTÃO AMARELO. Os cartões são tomados por reclamação e todo mundo sabe que há uma determinação da CBF para coibir "piti" em campo. Vai continuar nessa coisa de reclamação? Vai aumentar a distância de cartões tomados x gols feitos.

A defesa irá falhar

Não importa se é o goleiro ou os zagueiros. O posicionamento da defesa é tão ruim que quando goleiro não falha, zagueiro falha. É um tal de jogador entrando nas costas de zagueiro que sai batido para combater bola na cabeça de área que nem estranho mais atacante adversário aparecer na cara do Paulo Victor. Sabe quando torcedor acha estranho e pede logo impedimento? Nem tenho mais isso. Há sempre um Jorge ou Rodinei olhando o bonde passar e deixando os caras em posição legal. Como eu tenho certeza que isso acontecerá, peço, todo jogo, para que o ataque funcione. Mas isso não está acontecendo.

As mudanças, quando há, são lentas

Sabe aquela coisa de o time dar vexame e os culpados serem punidos? Esquece, cara! Outra certeza que passei a ter é que só o torcedor do Flamengo é punido. Afinal de contas, ele paga a conta de um time sem sangue, vê que está indo ladeira abaixo e a notícia que ele recebe, quando está tudo muito ruim, é que vai continuar como está. OU que estão avaliando a melhor forma de se fazer sabe-se lá o que. Mas eu acenderei outra vela no dia que perceberem que o futebol, dinâmico que é, não é para tartaruga.

O técnico vai elogiar o time e contemporizar a derrota

Comecei a perceber que o paradigma de "raça, amor e paixão" do Flamengo mudou ao observar as entrevistas dos inúmeros técnicos do Flamengo pós-derrotas. O time perdeu, jogou mal, tem jogador que não sujou nem o calção e eles estão lá, elogiando o time e falando que a derrota é normal. Tem uns que tem até a cara de pau de usar um "dadas as situações do jogo". Óbvio que tem aquela coisa que criticas devem ser falado em particular e blablabla, mas precisa ELOGIAR e achar derrota NORMAL? É achando normal uma derrota que se constrói um caminho vitorioso?


São 5 certezas. Se você for um torcedor pessimista, dentro dessas 5 certezas, você multiplica 2x, 3x mais usando pontos em cada item exposto acima. Eu, mesmo com tudo que anda acontecendo, assisto cada jogo acreditando na vitória. Mesmo com todos esses pontos que não mudarão tão cedo porque não vejo ação para isso. Não há ação de diretoria para punir jogador que repete erros nem para cobrar desempenho. Não há ação de técnico para corrigir posicionamento dentro de campo e fora dele. Não há ação de jogadores, que estão cada dia mais apáticos. Mas, ainda assim, no início de cada jogo, minha crença se renova. É como um ritual, é o Flamengo em campo.

Saudações!

Ganhamos a primeira na final do NBB 8

Ganhamos a primeira na final do NBB 8
Flamengo Bauru Final NBB Olivinha  (Foto: Luiz Pires/LNB)

Ganhamos a primeira. Com uma atuação muito boa, o Fla Basquete venceu o Bauru na casa deles por 83 a 77 (38 a 39) e fez 1 a 0 na série em melhor de cinco partidas.

Foi um jogo bem disputado e que o time teve que ter paciencia. Sem Marquinhos nos seus melhores dias e com atuação ruim no inicio do segundo quarto,  parecia que o time sentia o cansaço dos últimos dias, com os jogos da semifinal. Ainda bem que só pareceu porque a reação veio no final deste mesmo quarto e continuou no inicio do terceiro quarto. Mantendo uma boa atuação durante todo o terceiro período e no inicio do ultimo, o Flamengo fez 11 a 0 e a vantagem pulou para nove a sete minutos do fim. Bauru não se deu por vencido e lutou até o fim. A diferença chegou a cair para apenas dois pontos a 29 segundos do estouro do cronômetro, mas era tarde demais para uma reação. 

Olivinha foi o destaque do jogo com 16 pontos e seis rebotes. Ramon fez 15  e JP Batista terminou a partida com 13 pontos.

As duas equipes voltam a se enfrentar na próxima quinta-feira, às 17h (de Brasília), na Arena Carioca 2, no Rio de Janeiro.

Final do NBB 8: arrebenta, Fla Basquete!

Final do NBB 8: arrebenta, Fla Basquete!

Neto conversa com o grupo do Flamengo antes da final do NBB (Foto: Marcello Pires)

Eita que hoje é dia de FINAL. O Fla Basquete, orgulho da Nação, entra em quadra apara o primeiro jogo das finais do NBB 8. O jogo, contra o Bauru, na casa deles tem tudo para ser daqueles jogos inesquecíveis. Estou confiante na vitória para começar essa série decisiva lindamente.

Sabe aquela confiança que o Flamengo em campo nos dava? Eu transferi para a quadra. A derrota pode até vir, eles podem até vacilar, mas estarão num dia ruim. O comum, na quadra, é ver aquilo tudo que o rubro-negro de fé se acostumou a ver sempre. Eu sei muito bem o que me acostumei a ver. E sei que tudo aquilo leva times a títulos. Títulos que o Fla Basquete vem conquistando nos últimos anos e tem alegrado o nosso coração vermelho e preto.

Para o jogo decisivo, a gente não terá o americano Jason Robinson teve que antecipar seu retorno aos Estados Unidos para ficar ao lado de sua mulher, que teve problemas na reta final da gravidez e pode dar a luz a qualquer momento. O time de lá também pode ter desfalque: Murilo, que sofreu uma lesão no tornozelo direito durante um treino esta semana, é dúvida para o confronto.

O primeiro jogo é neste sábado, às 14h10, no ginásio Neusa Galleti, em Marília, no interior paulista, com transmissão ao vivo do SporTV.

Vai pra cima deles, Flamengo!

Siga o jogo conosco.

No Twitter @FlaBasquetePP

No Facebook /flabasquetepp

Meninas dão show e Flamengo é Campeão Brasileiro de Futebol




É CAMPEÃO!

Jogando com autoridade e repetindo a boa atuação do jogo passado, mesmo sofrendo a derrota, as meninas do Flamengo conseguiram vencer o ate então campeão Rio Preta e se sagraram campeãs brasileira de futebol.

A vitória foi por 2 a 1, no estádio Anísio Haddad, em São José do Rio Preto, no interior paulista. Assim, o Flamengo inverteu a desvantagem da partida de ida e chegou ao primeiro título do nacional.

O primeiro gol do jogo foi logo aos cinco minutos, de pênalti, Larrisa abriu o placar para o Rubro-Negro em cobrança em que a goleira adversária nem foi na bola. Logo depois, o Rio Preto empatou também de penalti. Aos 43 do primeiro tempo, o Fla aproveitou falha da goleira Luciana, que rebateu nos pés de Gaby. A meia do Rubro-Negro tocou entre as pernas da adversária e fez o gol do título brasileiro.

O time do Flamengo tem a parceria da Marinha do Brasil.

Parabéns, Meninas!

Quanto menos competição, melhor!


http://3.bp.blogspot.com/-Ve4odUDZD1I/Tc4ZASXfB5I/AAAAAAAACHI/RSQbeDx8HHI/s1600/Vergonha.jpg

O Flamengo está eliminado da Copa do Brasil. Como se não a pior campanha da história, com três derrotas e uma vitória contra o poderoso Confiança, o time do Fortaleza se classificou com   autoridade. Autoridade que o  Flamengo, com a sua diretoria, comissão técnica e jogadores não sabe o que significa.

Não falta só autoridade em campo para o Flamengo mostrar quem é que manda dentro de casa e que em casa não pode sair desclassificado de uma competição. NÃO PODE! Não falta só autoridade na comissão técnica para colocar no banco de reserva quem está afundando o time e colocar em campo quem está melhor no momento. Mas falta muita autoridade para uma diretoria omissa, que se acostumou com derrota e com as mais diversas desculpas que se teve a criatividade de inventar nesses 56 dias. Da declaração do Márcio Araújo até a do Jayme elogiando o Fortaleza, ontem,  a quantidade de vezes que faltou autoridade para colocar o Flamengo no trilho foram tantas que culminou numa desclassificação vergonhosa, em casa, de um time que, mesmo com disposição, não conseguiu superar um time de série C.

Menos uma competição para seguir durante o ano. Foi a terceira, em 56 dias, que o Flamengo foi eliminado. O Márcio Araújo curtiu porque vai poder descansar mais. O Muricy Ramalho também curtiu porque não vai viajar tanto. O Fisiologista  não vai ficar precisando avaliar jogador toda hora. Os jogadores vão jogar menos, a torcida vai se estressar menos, a diretoria não vai precisar ficar administrando crise após derrotas vergonhosas. Pensa bem: quanto menos competição, melhor.

Eu não tive a sabedoria para interpretar o momento do Flamengo pela declaração do Márcio Araújo. Devo ser algum tipo de otária sem bola de cristal.  Estava ali, tudo escancarado. É jogador que quer jogar menos, diretoria sem autoridade para interpretar energia de grupo e comissão técnica preguiçosa, que deve concordar cm jogador e deixa ele lá, recebendo salário do clube.

Quanto menos competição, melhor. Menos pós-jogo, menos jogo para aguentar pardalzada de treinador que improvisa atacante em jogo eliminatório, tendo o artilheiro do time no banco, menos jogo para aguentar goleiro que leva gol de tudo que é jeito e menos jogo para ver nosso Flamengo sendo maltratado. Sim, o Flamengo está sendo maltratado.

Sei nem o que a presidência do Flamengo está pensando da vida que não mudou comando do futebol. Vou repetir: são 3 eliminações em 56 dias.  Flamengo completou o ABC, sendo eliminado por time da série A, da série B e da série C. Ainda bem que não tem mais competição para ser eliminado por time da serie D. Ou será que na sul americana tem time de série D? Mas será que a eliminação não vem logo? Afinal de contas, quanto menos competição, melhor.

Esse texto não contém ironia, embora você possa ter interpretado assim.

Saudações!

Classificação é obrigação!



Depois de uma estreia com vitória no Brasileiro, o Mengão volta as suas atenções para a Copa do Brasil. A partida contra o Fortaleza vale a classificação para a próxima fase e o Flamengo precisa da vitória, já que perdeu o primeiro jogo por 1x0. A classificação é obrigação, já que o time briga pelo título.

Sem o técnico Muricy no banco, já que sofreu uma arritmia cardíaca e está internado para exames, o Jayme provavelmente assumirá o time no jogo mais importante do ano para o Flamengo. E eu espero que seja apenas o primeiro jogo mais importante do ano.

O time deverá ser o mesmo que entrou em campo no último jogo, contra o Sport. Everton, que fez o gol da vitória, deve continuar no lugar do Marcelo Cirino.



O grande desafio desse jogo será o Flamengo fazer os gols que precisa para a classificação. É muito dificil um time que os jogadores que não trocam passes no ataque fazer gol. Guerrero e Emerson não tabelam, Everton não consegue dar continuidade as jogadas. A importância do Mancuello e Arão virem de trás para tentar abastecer esse ataque com assistências é fundamental.

Na defesa, espero que Léo Duarte e o Juan continuem se entendendo para não dar trabalho ao Paulo Victor. E que o Jorge consiga ter a efetividade no ataque que o Rodinei anda tendo. Quero pouco, né?

Hoje é dia de vitória, sem emoção. Já tive emoção demais com o Basquete!

Vamos pra cima deles, Mengão!!!

Melhores momentos do jogo 5 das semifinais - Flamengo x Mogi

Olivinha Flamengo x Mogi NBB Basquete (Foto: André Durão)

Eita Fla Basquete maravilhoso! Com uma bela atuação do Olivinha (e você vai poder comprovar vendo os melhores momentos do jogo, o Flamengo chegou a quarta final seguida do NBB. Não é nada, não é nada, vamos para ser campeões!

Veja os melhores momentos do jogo:



Quarta final seguida não é pra qualquer time

Quarta final seguida não é pra qualquer time
http://allsportsagency.com.br/wp-content/uploads/2016/05/Olivinha-%C3%A9-esperan%C3%A7a-do-Flamengo-para-reverter-partida-contra-o-Mogi-das-Cruzes.jpg

É a quarta final de um time que tem DNA de vencedor. Com uma atuação mágica dos torcedores do Flamengo e do Olivinha, o Flamengo venceu o quinto jogo da série contra o Mogi e enfrentará o Bauru na final do NBB.

O jogo foi muito bom e com muita emoção. E o Fla Basquete não fugiu a luta. Seguindo direitinho a fala do nosso hino, ele me matou, me maltratou, de emoção no meu coração.

Com a diferença de 10 pontos no fim do primeiro tempo, o Flamengo teve que jogar demais e contar com um segundo tempo iluminado de Olivinha para virar, vencer por 79 a 75 (36 a 44).  

Olivinha foi o cestinha da partida, com 22 pontos e oito rebotes. Marquinhos ajudou com outros 14 pontos, enquanto Meyinsse anotou 12.  Agora é comemorar essa classificação e focar no Bauru.

O primeiro jogo da final da série melhor de 5 ocorrerá em Marília neste sábado (21), a partir das 14h10. O segundo e terceiros jogos serão realizados no Rio de Janeiro, na Arena Carioca 2.

Flamengo joga melhor mas perde primeiro jogo da final o Futebol Feminino

Flamengo joga melhor mas perde primeiro jogo da final o Futebol Feminino
Flamengo x Rio Preto Brasileiro Feminino (Foto: Patrícia Esteves)

Elas tentaram. Até o ultimo momento, o time feminino de futebol do Flamengo correu atrás do empate contra o Rio Preto. Mas não deu. Com um golaço no primeiro tempo, o Rio Preto vai para o jogo final com a vantagem do empate.

Rio Preto e Flamengo voltam a se enfrentar nesta sexta-feira, às 19h, no estádio Anísio Haddad, em São José do Rio Preto.

Hernane no Flamengo? AI MEU CORAÇÂO!

Hernane no Flamengo? AI MEU CORAÇÂO!

http://flamengoagora.com.br/wp-content/uploads/2016/01/Hernane-0785440.jpg

Surgiu o boato sobre a volta do Hernane Brocador ao Flamengo. Esse boato surgiu depois de uma entrevista do Diretor de futebol do Flamengo cogitando essa volta.

Não é a primeira vez que o Flamengo quer a volta do Hernane. Ele já quis antes, mas não pode contratá-lo por causa do processo que move na FIFA pelo não pagamento da compra dele, para o time árabe.

Publicamos na semana passada um video do advogado do Flamengo falando sobre o dinheiro da venda do Al Nasser.

Então, antes de sonhar ou imaginar o Hernane no Flamengo é preciso entender que precisa mais do que vontade do clube e do jogador. Se quiser o jogador agora, o Flamengo vai ter abrir mão do dinheiro. Vale a pena?

O Flamengo venceu na Fifa, está em grau de apelação no corte arbitral do esporte. É preciso esperar a publicação da decisão para que o Flamengo avance na negociação.

Eu poderia dar uns 10 motivos para querer a volta do Hernane. Mas a principal delas é a falta de opção que temos no ataque, ainda mais imaginando nas convocações do Guerrero para a seleção peruana. Só temos um reserva imediato para Guerrero: trata-se de Felipe Vizeu, de 19 anos. Achar que Nixon e Ederson, este improvisado, são outras opções para o setor é querer forçar demais a barra. Não são.

Espero que depois do dia 27 de maio (que é a data para que saia a publicação), a gente possa realmente avaliar se vale a pena ter o Hernane conosco ou não.  Mas é claro que vocês já sabem a minha opinião.

Saudações!



Fla Basquete mandou avisar: É HOJE!

Fla Basquete mandou avisar: É HOJE!
https://pbs.twimg.com/media/CioPdpOWUAAO6vr.jpg

Se tem uma coisa dúvida do jogo de logo mais do Fla Basquete é que a Nação fará uma linda festa no Tijuca. No quinto, último e decisivo jogo da série, no tenho dúvidas que ela poderá fazer a diferença, como sempre! A  festa da Nação, a classificação, as finais: É HOJE!!!!

O Flamengo enfrenta o São José por uma vaga na final no Tijuca Tenis, a partir das 21h. Com os ingressos esgotados, o jeito é acompanhar pela televisão e mandar aquela energia positiva para o Orgulho da Nação.

Estou ansiosa. Sabe aquele friozinho da barriga que dá em dia de final? Sabe a preocupação de levantar da cama com o pé direito? Tive hoje. Coisa de doida né? Cada doida com a sua coisa.

O fato é que dependemos da boa fase do Marquinhos. Então, que os outros jogadores acompanhem o nosso principal jogador. Acompanhar no sentido de já entrar ligadíssimos na partida. O Flamengo anda entrando mal nos jogos. Precisamos que o Meyinsse supere essa fase não fazer a diferença, que o Rafa Luz entre mais vibrante, que o ineiro não erre bandeja, que o Olivinha seja decisivo no garrafão, que tenhamos um aproveitamento de 100% nos lances livres e que o Marcelinho chegue aos dois dígitos de acerto na bola de 3. Não estou querendo muito. Só quero a vitória de forma tranquila, pode ser?

Vamos para a vitória, Fla Basquete. Vamos a mais uma final de NBB! É HOJE!!!!

Acompanhe o jogo conosco, no twitter e no facebook!

Meninas começam disputa da final do Brasileiro de Futebol Feminino

Meninas começam disputa da final do Brasileiro de Futebol Feminino

http://s2.glbimg.com/rLfoeu51EtOTARtubxY1cQkHtrY=/620x390/smart/s.glbimg.com/es/ge/f/original/2016/04/13/20160412162336_626_QvjIwvX.jpg


O futebol feminino está longe de ter a importância do futebol masculino em todo mundo, salvo raras exceções. No Flamengo não seria diferente. Porém, é preciso saber que hoje é o dia do primeiro jogo da final do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino e adivinha: o Flamengo está lá. Então, amigos hoje é dia de Mengão em campo.

A equipe de futebol feminino em parceria com a Marinha do Brasil foi formada ano passado e está na segunda temporada. Nesta segunda temporada, chegou a final depois de passar pela Ferroviária. Agora, na final, enfrentaremos o Rio Preto, atual campeão da competição.

O jogo tem entrada gratuita, será no estádio de Los Larios, no Rio de Janeiro, às 19h. A torcida rubro-negra pode assistir pela televisão, nos canais SporTV, TV Brasil, na web, pelo Enterplay, ou aproveitar a entrada gratuita para lotar o estádio em Xerém.

Vamos Flamengo! Vamos Meninas

A gente vai ter que decidir


O Flamengo estreou com 3 pontos no Brasileiro. A vitória contra o Sport foi magra, foi fraca e deu sono. Além de estar longe de jogar um futebol vistoso, a inoperância do adversário nos ajudou a manter essa vitória que dá tranquilidade ao trabalho do Muricy, pelo menos ate a próxima rodada. A forma "eficiente" do Flamengo jogar, colocando ritmo nos primeiros minutos (e que conseguiu fazer o gol da vitória), me fez ter a impressão de que teremos que decidir entre um Flamengo que jogue bonito ou um Flamengo que marque três pontos. Parece que não teremos, efetivamente, as duas coisas. Qual é a sua escolha?

Não teremos as duas coisas porque o nosso técnico sabe fazer mais um futebol que traga pontos do que um time que vá para cima do adversário. O nosso técnico sabe armar defesa como poucos e com um zagueiro melhor do que o Wallace, a zaga vai ter a segurança que a gente curte. Porém, os nossos caras que fazem o ataque não dialogam entre si. E se tem uma coisa que um time precisa para ter um ataque que faça mais de um gol por jogo é atacante trocar passes. Os do Flamengo não trocam.

Por enquanto, eu estou satisfeita. Além de estrear com os três pontos, tivemos a grata surpresa do Léo Duarte na zaga, ao lado do Juan, que foi o melhor em campo. Paulo Victor não tomou gol e o Everton voltou marcando gol contra o Sport. Quer fazer gol neles? É só chamar o Everton. Essa coisa que o Everton tem de marcar gol contra o Sport, o Cirino não teve ontem. Um atacante do Flamengo não pode perder gols seguidos como ele fez ontem. Um deles, inclusive, ilustra bem essa coisa que eu falei aí em cima, dos atacantes do Flamengo não trocar passes. Num dos lances, se ele passasse a bola para Ederson, seria gol, fácil!

Olha aí os melhores momentos do jogo:



No Brasileiro, o próximo adversário do Flamengo é o Grêmio, na casa deles. Mas antes o Flamengo tem o jogo da volta, contra o Fortaleza. É preciso ganhar com diferença de mais de um gol para passar para a próxima fase. O resultado simples, de 1x0 leva o jogo para os penaltis.

Boa estreia, Flamengo. vamos manter o ritmo rumo ao Hepta!

Saudações!

Toco do Marquinhos, do Flamengo, no último lance contra o Mogi

MOGI X FLAMENGO, NBB (Foto: Luiz Pires/LNB)

O Flamengo venceu o Mogi por 93 a 91 e garantiu o quinto jogo da serie semifinal do NBB. Mas teve um lance no jogo que mfoi sensacional.

No último lance, Larry infiltrou para tentar levar para a prorrogação, mas com um toco sensacional Marquinhos deu a vitória ao Flamengo.

Espia aí:

A magia da camisa 10 apareceu no Fla Basquete


MOGI X FLAMENGO, NBB (Foto: Luiz Pires/LNB)

"Achei que perderíamos. Perdão pela falta de fé, São Judas!"

O jogo foi complicado. Com um final dramático. Depois de estar ganhando por 9 pontos no inicio do ultimo quarto, o Fla Basquete quase dava mole e perdia o jogo. Menos mal que não perdeu, ganhou, a decisão da serie vem para o Rio de Janeiro e eu sou mais Mengão.

Ainda bem que o Flamengo tem o Ramon, que incorporou a magia do Manto 10 do Flamengo. Ainda bem que tem a raça do Olivinha. Ainda bem que tem a competência do Marquinhos. Ainda bem que ganhamos esse jogo.

O jogo foi tão UFA que ainda nem falei o placar dele. A sofrida vitória foi por 93 a 91, no ginásio Hugo Ramos, na casa deles. Sabendo que era impossível, o Flamengo foi lá e fez. O Mogi tem três derrotas dentro de casa no campeonato. Duas foram para o Flamengo.

Com 27 pontos no total, Ramon foi o grande nome do Flamengo. Além do toco decisivo, Marquinhos contribuiu com 15 pontos e seis assistências. Marcelinho e Olivinha, com 14 pontos cada, também foram fundamentais. Barrado por Ramon, Rafa Luz atuou por 21 minutos e foi quem mais deu assistências: 7.

O toco do Marquinhos, no ultimo lance do jogo tem uma simbologia que, mesmo depois de algum tempo do jogo terminado, eu estou toda emocionada. Espia só:



Com 2 a 2 na série semifinal, Flamengo e Mogi voltam a jogar na próxima terça-feira, às 21h, no ginásio do Tijuca, para decidir quem vai enfrentar Bauru na decisão do NBB 8.

Acompanhe informações na nossa fanpage e nosso twitter  do Fla Basquete

Nada é mais Flamengo!




Dia de estreia no Brasileiro, contra o time que insiste em ser rival do Flamengo de qualquer jeito, com o zagueiro ex-capitão pulando do barco e desconfiança da torcida numa possibilidade de boa campanha. Adversário querendo aparecer as custas do Mengão, crise e cornetagem pessimista antecipada. Nada é mais Flamengo. Nada! Estrear na corda bamba? Nada é mais Flamengo!

O Flamengo entra em campo num esquema que não deu certo no inicio do trabalho do Muricy. Se a teimosia vai trazer sucesso, só o tempo dirá mas preciso dizer que ver um ataque com Emerson, Guerrero e Cirino, com Cuellar e Arão no meio de campo não me agrada. Tomara que o meio de campo não fique desprotegido e o Mancuello tenha espaço para trabalhar. Esse espaço para o Mancuello trabalhar é tão importante quando o Guerrero começar a empurrar a bola para o gol e o Jorge começar a jogar futebol.

O provável  time que entrará em campo é:

Campinho Flamengo (Foto: GloboEsporte.com)

O Sport vem com o nosso técnico antigo, o Oswaldo de Oliveira, que diz conhecer bem o Flamengo. Conhece tanto que foi dispensado depois de pouco tempo de trabalho.  Luiz Antonio pode ser titular no jogo contra o seu ex-time.

O jogo será em Volta Redonda e tem umas promoções legais, como os primeiros 50 torcedores que comprarem o Manto novo em Volta Redonda ganha o ingresso para o jogo.

Vamos pra cima deles, Mengãoooooo! Vamos começar com pé direito a caminhada pelo Hepta! 

Só a vitória interessa ao Fla Basquete

Só a vitória interessa ao Fla Basquete
Mogi das Cruzes x Flamengo semifinais NBB (Foto: Bruno Lorenzo/LNB)

Hoje tem jogo decisivo do Fla Basquete na NBB. Depois de perder em casa, o time do Flamengo precisa da vitória na casa do adversário para se manter na disputa de uma vaga na final da competição.

É a terceira temporada seguida que o Mogi disputa as semifinais do NBB mas nunca foi a uma final. Já o Flamengo, atual tricampeão nacional, não deixa de ir a uma final desde 2012. Ele se vê diante de uma cenário complicado. Isso porque  precisa vencer de qualquer forma para forçar a quinta partida da série. 

Vai ser um jogão! O jogo será  às 14h10 deste sábado, no Ginásio Professor Hugo Ramos, em Mogi.

Vamos FlaBasquete!

Corajoso ou covarde, Wallace já foi tarde!

Corajoso ou covarde, Wallace já foi tarde!

http://ejesa.statig.com.br/bancodeimagens/4u/2m/ag/4u2magjn64hrlwz5c1jsmnerz.jpg

A finalidade desse post, a título de informação, está igual a jornal de ontem. A informação é que o Wallace está fora do Flamengo. E está igual a jornal de ontem porque todo mundo já sabe. Mas o que essa saída, que pegou muita gente de surpresa, impacta no Flamengo? Teve impacto positivamente e negativamente.

Embora eu tenha comemorado a saída porque acho que ele vinha mal há muito tempo e o posicionamento dele em diversas situações não me agradou, o momento da saída poderia ser melhor.

O impacto positivo que a notícia trouxe, pelo menos para a torcida em rede social, foi de confiança e esperança. O Wallace conseguiu ser unanimidade na TL, tanto na do blog, quanto a minha TL pessoal A Fla-Twitter adorou esse desligamento.

O impacto negativo foi a saída de um zagueiro na véspera de uma estreia do Brasileiro e que será substituído por um menino que não foi testado. Não foi testado porque o técnico preferiu dar chance para o até então capitão do time jogar e tentar a superar a má fase. Muricy não deve ter ficado nada satisfeito. Passou uma semana de treinamento colocando o Wallace no time titular e ao final dela soube que o zagueiro, que confiou ser o capitão da equipe no inicio do trabalho, abandonaria o barco. Sequer deu oportunidade para o garoto Léo Duarte, que vai entrar numa fogueira danada, treinar com o Juan.

Há os que acham que a atitude do Wallace foi louvável e corajosa, há os que acham que ele tomou uma decisão que era da diretoria, há os que acham ele foi covarde, há os que acham já foi tarde.

Eu ainda estou comemorando a atitude louvável, que a diretoria não tomou. E se ele foi covarde, já vai tarde! Bola pra frente, boa sorte ao Léo Duarte e que o Juan consiga dar tranquilidade a nossa zaga hoje.

Saudações!

Flamengo vai à final do Brasileiro Feminino de Futebol

Flamengo vai à final do Brasileiro Feminino de Futebol


O time de futebol feminino do Flamengo está na final do campeonato brasileiro. Depois de vencer a Ferroviária por 1 a 0, o Flamengo enfrentará o atual campeão da competição, o Rio Preto.

O gol da partida foi marcado pela Larissa, no inicio do segundo tempo. A vitória, do jogo que foi no Estádio Antunes, levou o Flamengo a final porque no primeiro jogo haviam perdido por 2 a 1. Porém, o gol fora de casa marcado no jogo da ida, em Araraquara, pela Tania, valeu a classificação.

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) ainda não divulgou data, horário e local da decisão.

Parabéns, meninas!

Ate quando o Flamengo apostará no Gabriel?

Ate quando o Flamengo apostará no Gabriel?


Mais um campeonato Brasileiro vai começar e o Gabriel vai jogar pelo Flamengo pelo quarto ano seguinte. Contratado em 2013, vários jogadores chegaram e foram embora mas o menino Gabriel continua firme e forte como o camisa 17. Nenhum jogador teve mais chances de se firmar no time como ele. Se a maioria dos jogadores tivesse essas chances, sou capaz de apostar que teríamos que contratar menos destaques de séries B e C e usar mais nossos garotos da base.

É importante deixar claro que eu não sou, necessariamente, contra se dar várias chances a um jogador para jogar no Flamengo. Porém, há jogadores que chegam e que saem sem ter chances de mostrar um possível futebol que "dê gás" até para uma futura negociação.Até para o Flamengo ganhar algum dinheiro.

Falando especificamente do Gabriel, ele deve desempenhar alguma função tática que eu não consigo enxergar. Ou então a disposição dele deve encantar os treinadores que o colocam em campo. Como eu não consigo enxergar essa função tática e nem consigo ver essa disposição toda para merecer tantas chances, de técnicos diferentes, sigo com a pergunta do título desse post.Sei bem que ele começou tarde no futebol e não tem o desenvolvimento que seria legal um jogador profissional ter.

Nessa semana (ou na passada) saiu uma lista dos jogadores que mais recebem sondagens para deixar o Flamengo e o Gabriel estava na lista. Ou seja, diferentemente de outros jogadores, o Gabriel até tem mercado para sair, só que não interessa ao Flamengo. O Flamengo quer o garoto no elenco.

Espero que o Gabriel consiga, neste resto de ano, justificar essa paciência toda do clube com ele. Espero que ele consiga se destaca, ajudar o Flamengo e mostrar que o futebol que o trouxe para Gávea.

Saudações! 

A disposição do Rodinei a serviço do Flamengo

A disposição do Rodinei a serviço do Flamengo


Rodinei chegou com a desconfiança de uma torcida que aturou Pará metade de um ano. Lateral que gostava de atacar, foi uma aposta que o Muricy teve e que deu certo. Deu certo porque a lateral direita do Flamengo rendeu boas jogadas no Carioca e na Copa Sul Minas Rio, diferentemente da lateral esquerda.

O Rodinei cumpre o seu papel direitinho. Jogador que tem disposição, ao não deixar grandes buracos na defesa e nem cometer grandes falhas e apoiar o ataque, dando bolas para que os atacantes marquem gols, o lateral se transformou numa boa opção.

Essa boa opção se torna ótima quando ele é ajudado no ataque por jogadores do setor ofensivo, coisa que não acontece com frequência. Cirino não consegue manter uma regularidade de boas atuações e o Willian Arão anda sobrecarregado com o fato de ser o segundo homem do meio de campo e ter que ajudar no ataque.

Apesar de ser a melhor opção de lateral que temos, já que a fase do Jorge não anda boa, a forma como o Rodinei joga ainda pode melhorar. Com o rendimento do time crescendo, a tendência é que ele possa melhorar as jogadas pela direita. Como jogamos com um atacante centralizado, a presença dele na lateral é muito importante para assistências e jogadas para a área.

O Brasileirão vai começar e o Rodinei deve ser o lateral titular na maioria dos jogos. Não vejo o Pará, nossa outra opção, com chance de ameaçar essa titularidade. A disposição do Rodinei pode até não se destacar mas é importante para um time de futebol.

Saudações! 

Mancuello é a esperança de qualidade no Flamengo

Mancuello é a esperança de qualidade no Flamengo


O bom começo do Mancuello no Flamengo animou muito torcedor. Diferente dos últimos argentinos que passaram pelo clube, a eficiência demonstrada fez a gente acreditar que o problema de criatividade no meio de campo e a facilidade da bola chegar aos atacantes estava resolvida. Pois bem, não se resolveu mas a presença dele em campo traz uma esperança que antes não tínhamos.

Mancuello tem disposição, uma boa movimentação e  visão em campo. A presença dele melhora o rendimento do time, mesmo que o esquema do Muricy não consiga dar a liberdade e espaço em muitos momentos do jogo. A impressão que  tenho é que ele esbarra em jogadores do Flamengo que deveriam ocupar outro espaço, que não o dele. Afinal de contas, ele é o cara para jogar no meio para os caras nas pontas e os caras não estão nas pontas. O que eu vejo é Emerson, Cirino, Gabriel e até mesmo o Willian Arão tumultuando um espaço e não dando opção para o argentino desenvolver o jogo.

Além de ter uma boa visão de jogo, o argentino bate bem na bola. Admirei demais o golaço que fez de falta no Carioca. Gosto de passes certos e outros lances porque me faz ter fé de que o meio de campo do Flamengo pode ter alguma qualidade.

O argentino é uma esperança de qualidade no Brasileiro, um campeonato longo e que o jogador precisa ter regularidade. Vamos ver se o argentino terá isso e cairá, de vez, na graça da galera.


Técnico do Flamengo precisa testar o Muralha no gol

Técnico do Flamengo precisa testar o Muralha no gol


A fase do Paulo Victor não é boa. Desde que ele se machucou no ano passado. Se antes não se podia ter no Cesar um goleiro para substituir o titular num momento ruim, atualmente o Flamengo tem um goleiro que foi contratado para ser titular.

Eu me recuso que o Flamengo tenha gastado milhões para contratar um goleiro para ser reserva do Paulo Victor. Embora não concorde, até entendo aquela coisa de dar tempo a um jogador para ver se a má fase passa. Com um jogador de linha, esse tempo pode até ser maior mas com goleiro não. Acabou um ano,  iniciou outro ano e a fase do Paulo Victor não muda. Você ainda tem a esperança que ele vai se esticar para pegar uma bola chutada no canto do gol?

E sabe o que é o pior? A gente não sabe se o Muralha é o goleiro pra substituir o Paulo Victor e dar tranquilidade a uma defesa insegura. Quando deveria ter sido testado, em jogos com a pressão menor, o técnico preferiu apostar que a fase de um goleiro (que já se sabe o que pode dar) iria melhorar. Iremos começar uma competição que é tida como a mais importante do ano com um goleiro numa fase ruim e um reserva que não sabemos se podemos contar.


O Muralha veio do Figueirense, após um ano de 2015 muito bom. O investimento que o Flamengo fez nele não é feito em qualquer goleiro. Com a crise financeira que o país atravessa, não está sendo feito em jogador que vem para ser titular.

Algumas coisas não dá para entender e a permanência do Muralha na reserva, sem ser testado, é uma delas.

O Flamengo precisa urgentemente resolver essa posição de goleiro para que não leve gols de bobeira como levou nesses primeiros quatro meses do ano. Você pode até achar normal um atacante do Fortaleza falar em rede nacional que a posição de goleiro do Flamengo facilitou o gol. Mas eu não!

Saudações!

Ter um estádio de futebol é para quem pode!

Ter um estádio de futebol é para quem pode!
http://www.falandodeflamengo.com.br/wp-content/uploads/2014/06/gramado_gavea2_felipecosta.jpg

Quase que no mesmo dia, saiu duas notícias sobre estádios de adversários, que me fez pensar, ainda mais, em aspectos para o Flamengo ter o seu próprio estádio.

É importante pontuar, em primeiro lugar, que eu acho que o Maracanã é a casa do Flamengo mas que é inviável com todas as características que ele tem, dentre elas o tamanho e o preço para se jogar nele. Em segundo lugar, é importante pontuar que eu não acredito em estádio de médio porte na Gávea. Acho que perdemos uma oportunidade excelente com o Kleber leite, lá na década de 90 e esse tipo de oportunidade, uma vez perdida, não volta. Mas isso é opinião de torcedora, que já escutou várias razões para se ter estádio na Gávea e outras tantas para não ter. E opinião, cada um tem a sua, né?

A notícia que a justiça determinou o leilão de São Januário e que o Corinthians não consegue pagar o estádio que foi feito para Copa do Mundo realça a máxima que está no título deste post: só tem estádio quem pode. E aí não é só a questão da construção, engloba a parte de mantê-lo.

O Vasco corre o risco de perder o seu estádio por causa de dívidas com o Governo Federal, em decorrência do não recolhimento da Cofins (Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social) entre 1992 e 1999. As dívidas estão em torno de R$ 31,5 milhões. O complexo de São Januário está avaliado em R$ 45 milhões. Será que dá para ter um estádio com um clube devendo a Governo, a fornecedor e eles deixarem o imóvel "em paz"?

Já o Corinthians, em dois anos, pagou 6% de um estádio que o deixou com uma dívida de R$ 1,2 bilhão. Tido como xodó de uma torcida que tem a capacidade de lotá-lo, o Itaqueirão foi uma jogada política do Lula, que contou com a Odebrecht, o Ricardo Teixeira, de Joseph Blatter, ex-presidente da Fifa e Andres Sanches como aliado.  O tempo passou, Teixeira teve de renunciar à CBF, Lula está sendo ameaçado de prisão, Andrés Sanchez se tornou deputado federal pelo PT. E o Corinthians tem uma dívida que, para muitos, é muito mais difícil de pagar do que a maioria imagina.

O Flamengo quer construir um estádio? O que ele dará em troca? O que ele está disposto a pagar para ter isso? Será que apostar numa parceira com uma empreiteira e assumir uma divida achando que a Nação paga é o caminho ideal? Será que os torcedores do Flamengo pagariam uma dívida de R$ 1,2 bilhão para um estádio que é novo, mas já precisa de manutenção?

Hoje em dia, mais do que antigamente, é preciso planejamento para um time ter um estádio de futebol. Torço para que esse da chegue para o Flamengo sem que ele precise vender a alma a uma empreteira e nem ter o seu estádio leiloado por causa de dívidas diversas.

Saudações!






Flamengo fará conteúdo exclusivo para o Twitter

Flamengo fará conteúdo exclusivo para o Twitter
http://superspicymedia.com/wp-content/uploads/2015/10/TwitterMoments.png


O perfil oficial do Flamengo deu uma movimentada boa na Fla Twitter essa semana. Uma ação em conjunto com o Twitter, o perfil fez uma enquete querendo saber quais os jogadores e técnico campeões brasileiros que fariam parte de uma seleção. Para isso, usou a hashtag #FlaHexa.

A ação tem como objetivo dar o pontapé inicial, na rede social, para o Campeonato Brasileiro. O perfil oficial passa a produzir coletâneas de tweets para o Moments, ferramenta de curadoria de conteúdo do Twitter. No lançamento, os torcedores formaram uma seleção entre as equipes rubro-negras que conquistaram o Campeonato Brasileiro. Cada torcedor escolhe, de 1 a 11, o jogador preferido para ocupar a posição, além do treinador. A unanimidade foi a camisa 10, do Zico.

O torcedor verá com frequência as coletâneas produzidas pelo clube e poderão, inclusive, aparecer entre os tweets escolhidos, destacando a evolução da interação entre Flamengo e torcedor.

A primeira coletânea já está disponível para os torcedores. Confira e participe enquanto a enquete estiver aberta para votos: #FlaHexa

Lance livre ganha jogo, Fla Basquete!

Lance livre ganha jogo, Fla Basquete!

Basquete Nbb Flamengo x Mogi semifinal jogo 3  (Foto: Gilvan de Souza )

Um Marquinhos inspirado e um Mogi errando bastante não foram capazes de dar a vitória ao Flamengo no terceiro jogo da série semifinal do NBB. Mesmo com o apoio da torcida, que mais uma vez fez uma linda festa, o Mogi está na frente já pode decidir a série no próximo jogo. A derrota por por 83 a 77 (37 a 31) não significa o fim da linha para o Flamengo. Aliás, com o FlaBasquete eu acredito até não poder mais.

Ontem ficou evidenciado o quanto o Flamengo é dependente da categoria e dos bons momentos do Marquinhos. Ele foi o cestinha da partida com 25 pontos, como destaque quase solitário.   Rafael Mineiro e Olivinha, com 17 pontos cada, também tiveram bons momentos. Mas nomes importantes como Meyinsse, Jason Robinson e Rafa Luz, com números ruins em todos os fundamentos, tiveram noite para esquecer.

Aliás, Rafael MIneiro e o próprio Marquinhos erraram lances capitais. E não podemos esquecer dos 11 erros de lances livres no jogo. Tal qual a semifinal da Liga das Américas, o Flamengo perdeu o jogo nos erros dos lances livres. Uma pena. LANCE LIVRE GANHA JOGO!

Tivemos uma derrota mas vamos atrás da classificação.  O jogo 4 será às 14h10, no ginásio Professor Hugo Ramos, em Mogi das Cruzes do sábado, dia 14.

Vamos Fla Basquete!


Não perdemos quatro meses!

Não perdemos quatro meses!


http://og.infg.com.br/in/18490955-7f3-f69/FT1086A/420/muricy_manga.jpg

Muita gente que criticou o desempenho do Flamengo nesses primeiros meses de 2016 usou a expressão "perdemos quatro meses".

Como sou daquele tipo de gente que aprende mais na derrota do que vitória, há algumas lições que o Flamengo de Muricy deveria aprender e não perder esses 4 meses de péssimo desempenho no futebol.  Foi péssimo mesmo. Chegou na semifinal da Primeira Liga, que não me encantou, ainda mais pela péssima (olha o péssimo aí de novo!) escolha de ser colocar um mistão nas semifinais. Mas classificou-se para as semifinais do carioca no aperto, teve duas derrotas em duas fases da Copa do Brasil para times de terceira, quarta divisão.  Os resultados foram ruins mas o desempenho em campo foi péssimo. Você consegue lembrar de duas boas atuações seguidas do Flamengo nesses 4 meses?

Não dá para ignorar isso. Não no futebol que não se tem tempo para nada. Estamos na semana de inicio da competição mais importante do ano e o técnico insiste numa forma de jogar que NÃO DEU CERTO! Foram quantos jogos nessa coisa de acreditar que o Cirino pode dar bola para o Guerrero e que o Guerrero vai ser o artilheiro do time? Foram quantos jogos achando que o Willian Arão vai ser o cara que marca e ataca, que tem criar na frente mas não pode deixar o Cuellar sozinho na marcação? Foram quantos gols tomados por ineficiência do Wallace e Paulo Victor, que atravessam uma fase ruim inacreditável e já mereciam um bom banco de reservas pelo desempenho demonstrado? Não dá para ignorar tudo isso e achar que os 4 meses foram perdidos. Não foram, não pelo menos para quem não é cego.

Ignorar o péssimo desempenho em campo e achar que insistir no que é ruim vai um dia dar certo tem sido o erro dos últimos treinadores do Flamengo. Luxemburgo, Cristovão, Oswaldo, Jayme... Todos insistiram nessa coisa de 4-3-3 e o Flamengo segue ladeira abaixo, com desempenho ridículo e com jogadores que não são ruins.

Não foram quatro meses perdidos. Mas será mais um ano sem resultados expressivos se a cegueira continuar em quem dirige o futebol do Flamengo, inclusive membros da diretoria.

Saudações!

A campanha certa, na hora certa! #omantoehmeu

A campanha certa, na hora certa!   #omantoehmeu


Que acerto. A escolha de um torcedor símbolo para estrear uma campanha de apresentação do novo Manto não poderia ser melhor. Num momento que a gente busca, desesperadamente, entre pedidos, reclamações, suspiros, lamentos e xingamentos que os nossos jogadores honrem o Manto, nada melhor do que aquele olho marejado  de um cara anônimo falando de um amor sincero. Não é só futebol. Com o Flamengo, para mim e para muitos, nunca será só futebol. É o Flamengo. É o FLA-MEN-GO, cara!

Amor sincero me cativa. Seja pelo que for. Mas se tiver o vermelho e preto com o CRF no peito envolvido... Eu curto, me faz bem.  Deve ser por isso que, nesse espaço, prefiro falar mais de acertos do que de erros. Falar de erros não me faz bem. Deve ser também por isso que me ausento quando não tenho nada de bom pra falar. É uma opção da vida querer só energia boa, que eu curto! Desculpa, sou seletiva. E deve ser por causa dessa seletividade que me cativa mais um torcedor demonstrando a linda adoração pelo vermelho e preto com CRF no peito do que um vídeo sem noção politicamente incorreto com palhaço falando o nome do Flamengo errado.

O fato é que a Nação pode participar da ação do lanamento do novo Manto através do Twitter, utilizando a hashtag #omantoehmeu. O texto precisa ter o nome do jogador escolhido e uma mensagem curta. As melhores serão escolhidas pelo clube e pela adidas e o torcedor terá a oportunidade de assinar na camisa que vai entrar em campo

Na estreia do time no Campeonato Brasileiro, sábado (14), contra o Sport, os jogadores entrarão em campo com autógrafos de torcedores na nova camisa.

Resgatar o que há de mais belo na história do Flamengo sempre é válido. Ainda mais quando envolve os integrantes da Nação, anônimos ou não!

"Sei que não existe, história de amor mais bonita!"

==

Não sei como a campanha prosseguirá mas a hora de tentar resgatar alguma coisa da torcida com o Flamengo é antes da estreia do campeonato principal do ano. Trazer a Nação para o lado do clube pode amenizar a insatisfação com o que anda acontecendo dentro de campo. Por isso, acho que a campanha veio numa hora boa.

Flamengo impõe sua força dentro de casa

Flamengo impõe sua força dentro de casa




Olivinha Flamengo NBB Mogi (Foto: João Pires/LNB)

Confia na força da Nação, que ela não abandona. Com uma incrível participação da torcida, que lotou o Tijuca Tenis Clube, o Flamengo empatou a série semifinal do NBB. O placar do jogo foi 81 a 71 (38 a 28). A diferença de 10 pontos no final do jogo foi graças a um último quarto excelente. O Flamengo impôs sua força dentro de casa.


Marquinhos foi o cestinha rubro-negro com 18 pontos. Olivinha terminou com 17 pontos. Outro destaque foi JP Batista, com 12.  Grande jogo da dupla Marquinhos e Olivinha. Eles comandaram o time.

Segunda-feira tem um novo jogo  e é hora de virar  esse confronto. Vamos para mais uma final, com a força da Nação.

Jajá é emprestado para o Avaí

Jajá é emprestado para o Avaí

Jajá e Vinícius Pacheco são apresentados no Avaí e se dizem dispostos a ajudar equipe

Sem espaço para trabalhar no Mengão, mais um garoto foi emprestado para pegar experiência no futebol. Desta vez, depois de Douglas Baggio e Cesar, o volante Jajá saiu do Flamengo e foi para o Avai.

O meia Jajá, 21 anos, é jogador das categorias de base do Flamengo e teve algumas oportunidades, principalmente em 2015, mas perdeu espaço na atual temporada, além de ter atuado na Seleção Brasileira Sub-20. Segundo o clube carioca, o empréstimo ao Avaí era uma oportunidade para o jogador ganhar experiência. O canhoto de 1,78m se disse feliz com a oportunidade no novo clube e afirmou que já tem condições de jogo.

"Comecei no futebol bem novo, nas categorias de base do Flamengo. Desde pequeno estou lá. Cresci muito, peguei seleção (sub-20), subi para o profissional e venho conquistando algumas coisas no futebol. Estou ciente de que é uma boa oportunidade para mostrar meu futebol. Estou muito feliz de estar aqui. Jogo de segundo volante ou terceiro homem do meio. Disposto a ajudar o técnico e pronto para entrar, pois vinha treinando normalmente", destacou.

Avaí pode ser uma vitrine para a sequência de sua carreira do Jajá. 

Outro contratado pelo Avai também teve passagem pelo Flamengo. Vinícius Pacheco também foi formado nas bases do Flamengo, mas tem muito mais experiência.

Com ajuda do Vavel.com