PETULÂNCIA INOPERANTE!







O rubro negro que gostou do jogo de ontem confundiu os times. O Flamengo era o time de branco e não o de preto e vermelho. Sendo assim, não há o que comemorar com o ponto conquistado fora de casa. Embora não seja de todo péssimo (péssimo mesmo seria a derrota, por goleada!), o que mais me preocupou ontem não foi a forma como o time jogou e sim a declaração do Alex Silva, dizendo que a torcida não pode reclamar por causa da posição do time no campeonato.

Ora bolas, Deusinho. Se eu não posso reclamar, que sou torcedora, quem pode? Alíás, se eu quiser, embora eu não deva fazer isso, eu posso até xingar. Vai mandar em mim? Paga minhas contas? Eu hein!

Esse tipo de atitude talvez explique a PETULÂNCIA INOPERANTE que domina esse time do Flamengo. Explica, talvez,  porque o Felipe não tem pressa na reposição do tiro de meta nos minutos finais do jogo, mesmo sabendo que a vitória é importantísssima para gente. Explica o Junior Cesar correr desesperado para fazer uma falta que ele tentara anteriormente, no mesmo lance,  e levar um cartão amarelo que se transforma no terceiro cartão. Aí, assim ele terá uma folga no fim do campeonato. Explica porque o Willians foge de uma bola passada pelo Thomás no meio de campo de uma forma ridícula. E explica também, porque não, que a manutenção de medalhões que não andam jogando porra nenhuma no time titular pode estar custando o ano de 2012 do Luxemburgo no Flamengo.

Jogadores tem a petulância de achar que sabem mais que o técnico, que sabem mais que torcedor e que eles é que são os melhores. Não sei se inoperância se qualifica quem é melhor ou pior em alguma coisa. Mas é fato que o Flamengo atual está inoperante. Coisa que não esteve no resto do campeonato, se não estavam lutando pelo rebaixamento e não por Libertadores. O time do Flamengo ESTÁ inoperante!

Fazendo uma análise tatica do jogo, de uma escalação que insiste em três volantes que não valem por dois, Flamengo continua engessado. Se em time comum, o uso de três voltantes seria necessário para que os laterias atacassem, atacassem e atacassem (e o Papai Joel fazia isso muito bem), no Flamengo de hoje, que o lateral vai até a intermediária de ataque e puxa pro meio, faz com que haja tantos jogadores numa mesma região de campo, que torna Ronaldinho uma presa fácil. E não jogue a culpa disso só no Ronaldinho. Ele está jogando, há tempos, em uma posição que não é a dele.

O time do Flamengo não é ruim e não mudou peças do time que há três semanas estávamos na briga pelo Hepta. Acredito no potencial desse time e acho que, nessas duas rodadas, eles podem acabar 2011 da melhor forma possível, que é a classificação para a Libertadores. Aliás, se eu estou com o Flamengo no "É campeão", por que eu não estaria no "Iiiiiiih, Libertadores qualquer dia tamo aííi"?

Vamos as notas da pelada de ontem?



Está com raiva? Está chateado(a)? Você tem razão. Mas lembre-se: esse tipo de sentimento só dá força pra arcoirizada, que é a maior torcida do Brasil.

Domingo, é confronto direto com o Internacional na nossa casa, em Macaé. E jogo à vera, daqueles que tem que ser épicos e adversário tem que tremer antes de entrar em campo. Se os caras que estão envergando o Manto em campo não tem noção disso, os caras que envergam o Manto na arquibancada tem que fazer isso. Seremos, COMO SEMPRE, a raça do Flamengo no momento difícil.  

Isso é Flamengo. 

Sempre foi Flamengo e sempre será Flamengo. 

Flamengo é único. 

Flamengo é lindo. 

Flamengo é imponderável.

Vamo pra cima deles, Mengo!!!

Quer saber detalhes desse jogo? Falamos muita coisa no #Lulucast 54. Falamos do resultado, das nossas chances, das substituições do Luxemburgo e do próximo jogo. Escuta e debata conosco!

Leia o post magnifico do FlaManolos

Comente:



Nenhum comentário

Comente, sempre, com educação. Se você é do Twitter, do Facebook ou de outra rede social, deixe o seu contato para que eu possa agradecer.
Ah, não esqueça nunca: UMA VEZ FLAMENGO, SEMPRE FLAMENGO!

Tecnologia do Blogger.