8 de novembro de 2021

Será que tudo é culpa do Renato?


>







Como muitos sabem, faço parte do Poderosas Rubro Negras, uma live aos domingos às 14h, no canal do Jaude Bolado no Youtube. Não segue? Clique aqui e se inscreva no canal.  Se você quiser assistir a live completa, só clicar aqui!

Dentre os assuntos da última live, falamos sobre a performance do Flamengo e o quanto o Renato é responsável pela queda de produção do time nos últimos jogos. Éramos um time que aplicava goleadas e nos últimos jogos sofremos para fazer gols. O questionamento que a gente fez foi se o Renato era o único culpado disso.

Um dos principais jogos que o pessoal usa como crítica ao Renato foi o jogo de volta da semifinal da Copa do Brasil. Embora a gente tenha jogado mal demais o primeiro tempo, aquele jogo poderia ter saído com a nossa vitória se as bolas tivessem entrado naquele início do segundo tempo (e só não continuou porque o Renato, com as suas substituições, arrebentou o time). O time do Renato foi pra cima, produziu chances inclusive para virar o jogo, mas pecou na letalidade: não adianta ter maior volume de jogo se não é letal. Os jogos contra o Cuiabá e contra o Fluminense comprovaram isso. Dominaram o jogo mas não saíram com os três pontos. E a pergunta que  fiquei na cabeça é: o técnico pode ser considerado responsável pelo erro técnico de jogador de futebol profissional na hora de concluir a gol? 

Falei na live que o Renato tem a melhor bengala para escorar a instabilidade do seu trabalho e o pior: a bengala é justa. O calendário massacra o Flamengo (e isso não é culpa do técnico) e qualquer preparação que poderia ser planejada vai ralo abaixo. Pessoal reclama do treino de dois toques em campo reduzido mas com a quantidade de lesão e pisando em cascos para não sobrecarregar jogador que joga e viaja, sem ter tempo para repouso adequado, dá para fazer treinos mais complexos, envolvendo tática?

O rendimento pode ser melhor e é por isso que o Renato e o comando do futebol são tão cobrados. A cobrança é justa. Eles sabiam que ia ser essa maratona e o planejamento tinha que ser feito pra isso. Inclusive para não passar vergonha sendo eliminado pelo Athletico no Maracanã. Antes tínhamos 3 competições, agora temos uma e a impressão é que não estamos nos preparando adequadamente.

O Renato peca na escalação de jogadores fora de posição (que é um vício irritante do futebol brasileiro), vai mal nas substituições e parece não conseguir motivar alguns jogadores que estão com o rendimento bem abaixo há bastante tempo, como o Everton Ribeiro. Mas a gente precisa parar de culpar só o técnico pelo mau desempenho do time. A culpa não é só do Renato. O Flamengo tem jogadores bons o suficiente para assumir a bronca, bortar a bola debaixo do braço e começar a jogar futebol que eles sabem.

Aliás, essa é minha esperança para a final da Libertadores. Mas isso é assunto para um outro post.

Até a próxima.






Espero que você tenha gostado desse texto! Segue no Instagram!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente, sempre, com educação. Se você é do Twitter, do Facebook ou de outra rede social, deixe o seu contato para que eu possa agradecer.
Ah, não esqueça nunca: UMA VEZ FLAMENGO, SEMPRE FLAMENGO!

Postagens mais visitadas

Todos os posts deste blog