#FlamengoDe19










Sábado, dia 21 de dezembro, 14h.

Enquanto todo mundo no futebol brasileiro estava de férias, curtindo as praias do Nordeste, fazendo festa pra mulher de amigo fazer barraco ou passando vergonha em Orlando, o time do Flamengo se preparava para entrar em campo, fazendo hora extra porque está em outro patamar. Fazendo hora extra porque venceu demais e numa teimosia que eu adoro, foi atrás do mundo que a gente tanto pede. Ah, esse Flamengo de 19! 

Sábado, 21 de dezembro, 18h. 

Teve gente triste, teve gente p da vida mas a maioria estava orgulhosa. Orgulho da atuação do time, da quebra de paradigma, das conquistas realizadas, do resgaste da própria história do Flamengo, da retomada do Flamengo como gigante do futebol não só no Brasil, do futebol ofensivo. O mundo do futebol esteve virado para o Flamengo. Se isso não é ter o mundo de novo, a gente chegou bem perto. Foram no limite, fizeram o que estava ao alcance. Ah, esse Flamengo de 19.  

Ah, esse Flamengo de 19...

Esse timão do car*lh*, foi atrás, jogo após jogo, do que a gente tanto pediu: o mundo de novo. Foram incansáveis. Aos 119 minutos do ultimo jogo do ano, a 3 dias do Natal, estavam lá correndo atrás de uma bola, acreditando ATÉ O FIM.

Esse time nos deu um Flamengo diferente, que a gente pudesse se orgulhar, que a gente pudesse torcer e que resgatasse o Flamengo que muita gente só viu na era Zico. Como a gente curtiu, se divertiu, torceu e foi feliz em 2019 com o Flamengo.

Esse time ficou na história: na do futebol, na minha, na tua e de todo rubro-negro que sorriu em cada vitória. Está lá nas brincadeiras infantis, nas zoações e bate papos sobre futebol de adolescentes e adultos, flamenguistas ou não. 

Particularmente, o Flamengo de 19 me devolveu o desejo de escrever sobre o Flamengo. Me deu o meu maior prazer, que é ver o Flamengo brilhar, seja na terra, seja no mar. Escancarou que seria e eu teria um desgosto profundo, se faltasse, o Mengão no mundo.  E demonstrou, dentro das quatro linhas, o que é o tal PRA CIMA DELES FLAMENGO. 

Esse time reativo, que busca o mundo de novo, que vai pra cima deles e que faz o gigante Flamengo sair atropelando cada um está no meu coração, pra sempre. 

Aos merecedores do Flamengo de 19

Tô incluída aqui. Nós merecemos, hein! Quanta draga, quantos momentos, quanto desaforo tivemos que aturar nos tempos em que o "melhor ainda está por vir" era uma esperança, para muitos, tola que o nosso amor pelo Flamengo alimentou. 

O Flamengo de 19 é um presente para a gente ter a certeza que nada foi em vão: a história pode se repetir e que o Flamengo pode ser o maior do mundo. 

A cada torcedor, digo, merecedor desse time, dessa alegria, desse orgulho de ter essa história pra contar, curta pra sempre. Mesmo. Estamos vivendo um momento histórico. Pode acreditar que esse texto, vai ser lido daqui a 10 anos e você vai abrir o mesmo sorriso que abriu agora. 

Aos merecedores que trabalharam para fazer o Flamengo de 19, meu muito obrigada. Estão incluídos aqui os funcionários do departamento de futebol, do Ninho do Urubu, da Gavea e dos dirigentes da gestão atual e passada.  

Ao Flamengo de 19: 

Um beijo, Flamengo de 19, você é inesquecível. Estará sempre comigo. Trouxe tanta coisa boa, tanto sentimento bom, tantos momentos de alegria... Eu juro que tentei recompensar com palmas, gritos, incentivos, energia boa e muito amor. Espero que tenhas recebido. Obrigada por tudo. 

Foi bom demais viver o Flamengo de 19, o time mais bonito que eu vi jogar! 

Saudações! 



Comente:



Nenhum comentário

Comente, sempre, com educação. Se você é do Twitter, do Facebook ou de outra rede social, deixe o seu contato para que eu possa agradecer.
Ah, não esqueça nunca: UMA VEZ FLAMENGO, SEMPRE FLAMENGO!

Tecnologia do Blogger.