O momento da liderança









Na minha casa, tenho dois tipos de antena. A da Net e a da TV normal. As televisões que tem a TV normal recebem o sinal da TV antes do que da TV por assinatura. Ou seja, eu sei pela TV da minha mãe quando a novela começa e quando coloco na minha, ela ainda está começando. Até então, era a única funcão que eu conhecia para a TV quando ela estava ligada. 

Ontem, depois das 16 horas ( aqui não tem horário de verão) eu confesso que devo ter alternado entre o jogo do Flamengo e o jogo no Serra Dourada umas quinhentas vezes. E quando o Goiás empatou o jogo eu estava vendo o jogo do Goiás. 

Quando eu pulei da cama e comecei a gritsr, escutei um grito vindo do quarto da responsável maior por eu ter adquirido uma inteligência superior  (Ser Flamengo) e quando eu mudei o canal, o Zé Roberto chutava a bola por debaixo da perna do goleiro do Corinthians e fazia o primeiro gol do Flamengo.

Eu não me lembro de ter gritado como ontem. Eu não me lembro de uma adrenalina como a de ontem. 

Estou sem voz, mas quem se importa? 

========

A minha previsão se confirmou. Como eu escrevi aqui no blog dia 12 de novembro, assumiríamos a liderança da 37ª rodada. Falta a vitória sobre o Grêmio.

========

O Corinthians não merece o goleiro que tem. A atitude do Felipe tanto na expulsão do Chicão quanto na cobrança do penalti foi lamentável.

========

Elogiável a atitude da TV Globo de não mostrar o invasor na hora da cobrança do Penalti. Muito bom.

========

Mas não era o São Paulo que merecia o título? Como um time que almeje isso perder duas partidas seguidas perto no fim do campeonato. Será que isso é merecimento?

========

Eu quero ingresso!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!


Comente:



Nenhum comentário

Comente, sempre, com educação. Se você é do Twitter, do Facebook ou de outra rede social, deixe o seu contato para que eu possa agradecer.
Ah, não esqueça nunca: UMA VEZ FLAMENGO, SEMPRE FLAMENGO!

Tecnologia do Blogger.