A mentira sincera te interessa?









O grande blablabla do Flamengo neste fim de ano não foi contratação e muito menos a barca tão aguardada e desejada. Se tivemos silêncio absoluto do comando do futebol sobre quem vem e quem vai, tivemos silêncio absoluto sobre a saída do técnico que tem a responsabilidade de fazer o ano de 2018 melhor do que o de 2017.

Não sei exatamente qual foi o dia em que um radialista e professor universitário falou sobre a possibilidade do Reinaldo Rueda assinar com a Federação Chilena para dirigir a seleção do Chile, mas desde então, o blablabla em cima disso passou todos os limites do bom senso.

Eu poderia lembrar da postura impecável do Rueda, poderia citar o altruísmo dele no caso da Chapecoense, poderia falar que a seleção chilena não está classificada para a Copa do Mundo, poderia falar que o cara está de ferias mas isso não bastaria. Ainda assim, teria alguém exigindo que um departamento de futebol, que optou pelo silêncio absoluto sobre todos os assuntos, estivesse dando satisfação da vida de um profissional que tem contrato em vigor com o clube.

O silêncio tem esse problema. Num mundo em que o "quem cala, consente" serve de muleta para quem a carência faz da discussão e ofensa uma diversão, a mentira sincera (geralmente desinformada) traz um alivio para o coração fácil de entender. Tão fácil que xinga-se e coloca-se em xeque uma pessoa que optou pelo silêncio. Silêncio esse que é um direito e direito a escolha, vamos combinar, todo mundo tem.

O Flamengo optou pelo silencio. O Rueda optou pelo silêncio. A torcida optou pelo barulho e os portais esportivos, rubro negros ou não, fizeram a festa em cima desse barulho. Jornalistas sem assunto apostando em sinceridades sem um pingo de comprovação. Comentaristas colocando em xeque competência e caráter como se uma mentira sincera fosse se transformar na "realidade verdadeira".

Rueda pode se despedir amanhã do Flamengo com uma proposta irrecusável para dirigir uma seleção que não está classificada para a Copa do Mundo.  Ele pode ficar e colocar em prática todo o planejamento para fazer do Flamengo uma equipe campeã. 

A gente deveria aceitar qualquer um dos dois caminhos. Só não deveríamos  aceitar, mesmo, essas mentiras sinceras que usam o nome do Flamengo a cada dia!

Saudações!



Comente:



Nenhum comentário

Comente, sempre, com educação. Se você é do Twitter, do Facebook ou de outra rede social, deixe o seu contato para que eu possa agradecer.
Ah, não esqueça nunca: UMA VEZ FLAMENGO, SEMPRE FLAMENGO!

Tecnologia do Blogger.