Passeio com emoção e alegria!






Para quem já visitou Natal, sabe a delícia que é a pergunta de um bugreiro (motorista de bugre) ao entrar nas Dunas da cidade: com emoção ou sem emoção?  E, de acordo com a escolha, as manobras são feitas de forma mais arrojada ou não. O passeio do Flamengo na Arena das Dunas em cima do Boavista foi daqueles passeios com emoção, principalmente no primeiro tempo, mas com muita alegria!

Torcedor do Flamengo teve muita emoção no primeiro tempo. Com a zaga inconstante, Arão compondo pouco a marcação e Adryan deixando Trauco na mão e Rafael Vaz inseguro, o empate parecia um bom resultado. Há de se destacar a bela assistência que o Trauco deu para o Guerrero, na única bola decente que o atacante recebeu nos primeiros 45 minutos. Porém, a inconstância da defesa foi igual aquelas dunas inclinadas, que parece que o bugre vai virar. Nos trouxe emoção demais. Só não trouxe irritação porque o Muralha continua numa fase excelente.

Menos mal que no segundo tempo, depois do treinador mudar o esquema e colocar Rodinei na direita junto com o Pará, o Flamengo transformou o jogo num passeio, com muita alegria, fazendo a festa dos torcedores que estavam no estádio. Estádio que estava mais para Engenhão do que para jogo do Flamengo em Natal. Erraram a mão no preço do ingresso e o resultado foi mosaico azul.

O Flamengo estreou bem no Carioca, numa vitória por 4x1, gols do Guerrero (2), Trauco e Diego. O melhor em campo pode até ter sido o Trauco mas o Rodinei mudou o jogo. Não sei se isso foi treinado mas se reclamávamos de um único esquema de jogo, nessa estreia tivemos uma variação interessante.

Na próxima rodada, o Flamengo encara o Macaé, quarta-feira, às 19h30 (de Brasília), no Raulino de Oliveira.


Comente:



Nenhum comentário

Comente, sempre, com educação. Se você é do Twitter, do Facebook ou de outra rede social, deixe o seu contato para que eu possa agradecer.
Ah, não esqueça nunca: UMA VEZ FLAMENGO, SEMPRE FLAMENGO!

Tecnologia do Blogger.