17 de outubro de 2016

Pós-Jogo: Desistir nunca foi uma opção


>




https://4.bp.blogspot.com/-Eby_-XIilQE/WAP9OMqSBZI/AAAAAAAAPHo/KmyK0czZsycs-ilQNH126WA5vW9SvY5DgCLcB/s1600/diego.jpg

Foi uma rodada bem ruim para o Flamengo. Em termos de resultados e de desempenho. De resultados porque perdemos para gente que está no Z-4 e nosso adversário ganhou de gente que está no Z-4. E de desempenho porque jogamos mal de novo e fomos derrotados. Mas, desde que entramos na briga pelo Hepta, desistir antes da rodada 38 nunca foi opção.

O Flamengo não fez a sua parte e mesmo eu sabendo que o presidente do Flamengo tem razão ao reclamar do favorecimento absurdo que o Palmeiras teve nos dois gols contra o Figueirense, não sei se concordo muito. O fato é que a pressão de dirigente vem fazendo parte do jogo. Não vamos esquecer que o presidente do Palmeiras convocou uma coletiva para reclamar de um acerto do bandeira e insinuou que o Flamengo não iria levar o campeonato na mão grande. Falou, claramente que o Flamengo não iria roubar, em cima de um lance legítimo. Não dá pra esquecer e é para esfregar, pra sempre, a questão da moralidade pra cima do Paulo Nobre. PRA SEMPRE!

A atuação do Flamengo contra o Internacional não foi boa. Com um Diego procurando o jogo, com Gabriel e Fernandinho apagados e com o Guerrero mal, o time do Flamengo não conseguiu desenvolver jogadas de ataque. Pará não teve uma tarde boa e o Jorge foi um desastre. Não me lembro de uma partida tão ruim do Jorge nos últimos tempos. Para completar uma tarde infeliz, a entrada do Sheik como última opção do Zé Ricardo jogou por terra a esperança de conseguir pelo menos um ponto no Sul.

Paciência. O time vinha a 10 jogos invicto no Brasileiro e perdeu. Não é o fim do mundo embora tenha sido um banho de água fria, como o treinador falou. Balde de água fria pode até ser usado para s desistir de algo mas também pode ser usado para despertar de vez e nos mantermos alertas até o final. Desistir nunca foi uma opção, não será um balde de água fria que fará isso.

Vamos em frente. Vamos diminuir a diferença de novo e ultrapassá-los no momento que importa. Vamos time, vamos Nação!

Vamos pra cima deles, mais do que nunca. Como sempre!

Saudações!
Espero que você tenha gostado desse texto! Segue no Instagram!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente, sempre, com educação. Se você é do Twitter, do Facebook ou de outra rede social, deixe o seu contato para que eu possa agradecer.
Ah, não esqueça nunca: UMA VEZ FLAMENGO, SEMPRE FLAMENGO!

Postagens mais visitadas

Todos os posts deste blog