O poder de um choro









Fisiologicamente, chorar é a primeira coisa que devemos fazer quando nascemos. E ao longo da vida, faremos isso diversas vezes, por diversos motivos. 

Chorar é a chave da vida. Choramos de alegria, de tristeza, de alívio, de medo, de angústia, de raiva. São diversos sentimentos que não podem e nem devem ser esquecidos. E assim como o choro tem várias causas, também tem várias consequências. E no futebol, assim como na vida, os motivos para chorar são muitas. 

Inesquecível o choro dos jogadores do Botafogo depois do jogo contra o Flamengão (HAHAHAHAHHA!!!!!!!). Inesquecível o choro do Romário quando levantou a taça do treta. Já vi muito choro no futebol, mas confesso que é a primeira vez que eu vejo um clube de futebol começar a chorar antes de começar uma partida. Aliás, é a primeira vez que eu vejo um clube de futebol arrumar tantos fatos para ter o que chorar depois. Mas que fenômeno é esse que atinge o "todo poderoso São Paulo"? Jogadores diferentes falam de fatos isolados sempre com o objetivo de lamentar por um fato que aconteceu ou, o pior, que pode acontecer. 

Será que esses jogadores não vivenciaram o gol em impedimento contra o Goiás que deu o título ao São Paulo? Ou que um juiz de futebol não sabe a regra 12 do futebol? Ou não estiveram em campo no jogo que o árbitro pára o jogo por 6 minutos em um show que o capitão do time dá em campo e só dá de acréscimo 3 minutos no final?

Para que os São Paulinos estão fazendo isso? Qual será o poder desse choro? A consequência desse choro eu não sei, mas a causa....



Deixou chegar, aguenta!!!!!!!


Comente:



Nenhum comentário

Comente, sempre, com educação. Se você é do Twitter, do Facebook ou de outra rede social, deixe o seu contato para que eu possa agradecer.
Ah, não esqueça nunca: UMA VEZ FLAMENGO, SEMPRE FLAMENGO!

Tecnologia do Blogger.