Bem vindo Imperador da Nação

Bem vindo Imperador da Nação

Marcelo de Jesus/GLOBOESPORTE.COM

Agora sim! Bem vindo Imperador!!!!

Sensacional, já decisivo e ajudando o Mengão. Impagavel o sorriso do Adriano após o gol. Como ele mesmo disse, não há dinheiro que pague a felicidade! E hoje, a nação está em extase!

Ontem e hoje

Ontem e hoje

Eu não vi o jogo de ontem, então fico impossibilitada de comentar. Se bem que os meus comentários não são lá uma Brastemp. Mas valeu pelos três pontos, a vitória fora de casa e a atuação do Ibson.
 
Tomara que ele fique no Flamengo. Sempre torci e sempre torcerei por ele. E ele dará ainda muitas alegrias aos nossos corações.
 
====
 
Obina foi emprestado ao Palmeiras. Quase que chegava na metade do ano e o Obina não fazia gol. Se você fosse um gerente, passaria quase metade um ano sem fazer uma venda? Coisas que ocorrem no Flamengo e que nem os torcedores conseguem explicar.
 
====
 
Quanto aos laterais do Flamengo, o Juan é mais importante que o Léo Moura. E o substituto do Léo que é o Everton, só não o barrou porque o Léo está jogando com o nome. O nome de quem já realizou algumas coisas e conquistou outras pelo clube.

Dias melhores virão ao Flamengo

Dias melhores virão ao Flamengo

Caímos na Copa do Brasil. Jogamos os dois jogos melhores, mas caímos. Anulamos o "melhor" ataque do Brasil, segundo críticos, que senão fosse a bobeira do Juan passaria em branco com a bola rolando por 180 minutos. Aliás, gostei da sinceridade do Juan. Ao ser perguntado o que faltou ao Flamengo, ele respondeu: " Faltou eu acertar o passe que resultou o primeiro gol." Limpo e certo. Em um jogo que não podia errar, erramos.
Quando ganha, somos campeões. Quando um erra, a nação erra junto. E é isso que falta a gente que está no Mais Querido entender. É impossivel um time jogar sem atacante. Impossível. Sob todos os aspectos. E o Flamengo não perdeu por causa do passe do Juan. Perdeu porque não tem atacante. E quando um pseudo atacante entrou, fez um gol e saiu machucado. Ao invés de colocar um cara veloz, para puxar um contra ataque, colocou-se um zagueiro e sucumbimos a pressão de um time e de uma torcida que estão acostumados a decidir  em casa. Ganharam limpamente. Como tem que ser. Sem artimanhas, sem palhaçada.
Aos que tiveram em campo, fica a lição. Jogar como jogaram os dois jogos os fazem dignos de vestirem o manto. O que queremos é disposição sempre. É o chinelinho na janela. É a cabeça do lugar, concentração na partida e dedicação aos 90 minutos. Ganhar ou perder faz parte do jogo. E embora a derrota não esteja na energia do magnético, perder da forma como foi, não só engrandece esse grupo como me dá esperança de dias bem razoáveis no Brasileirão.
 
========
 
Quando o Zé Roberto vai ser escalado na posição dele??
 
========
 
Não dá para relacionar o erro do Juan com o desentendimento com o técnico. Ou dá?
 
========
 
Será que o Obina vai ficar a ano inteiro sem fazer gol?

Hoje tem jogão

Hoje tem jogão

Gostaria de saber quais foram as condições para a vinda do Pet. Sem saber e pelas suposições que sairam na imprensa, não vale a pena dar opinião. Porém acredito que o Pet pode acrescentar a esse elenco do Flamengo, principalmente quando Julho chegar e algumas peças, invariavelmente, irão embora.
 
Torço é para o treinador coloque o Fierro para jogar, que ele mantenha o Airton como zagueiro, o Toroshow no meio e que bote o Maxi como atacante para abastecer o Obina ou o Josué. Saca feijão com arroz?
 
No jogo de mais tarde, coração na mão, olho na televisão e pensamento positivo. 
 
O Flamengo, ganhando ou perdendo, não pode largar suas origens. Vamo pra cima deles Mengão!
 

Basquete show

Basquete show

O Basquete continua arrebentando. Falta uma vitória para a classificação para a semi final do Brasileirão de Basquete. Vamos ao BI.
 
 E você, já comprou a camisa do Fla-Basquete para manter esse timaço????
 

Cada um no seu quadrado

Cada um no seu quadrado

Os salários dos jogadores do Flamengo estão adiantados. Será uma utopia?? Aos que acreditam que os jogadores fazem corpo mole quando estão com salários atrasados, é FATO que na quarta feira, contra o Internacional, iremos passar as semi finais da Copa do Brasil.
 
Só não entendo como um jogo, contra o Avai, é capaz de fazer nosso técnico mudar de idéia sobre o ataque. Muitos vão dizer: "Porra, não fazer gol no Avaí é dose."  Mudar porém é preciso.
 
Mas mudar para Obina? Insistir no Zé Roberto em posilão errada?? Porque o Cuca não escala o ataque simples, com cada um no seu quadrado?? Escala o Josiel na frente e como companheiro o Maxi, que tem características para ser o parceiro de um atacante como Josiel ou Obina.
 
E Juan que caiu mais de 15 vezes no jogo contra o Avaí.  Parece que estava limpando o gramado. Tá de sacanagem.

É pra deslanchar!

É pra deslanchar!

Estou sumida, estou voltando a ativa.
 
Hoje tem Mais Querido no Maracanã. E contra o Avaí. Se o ataque não deslanchar, não sei não. Com todo respeito a qualquer time que jogue contra nós, há pontos que não podemos perder.
 
Vamos pra cima deles Mengão.
 

Ela é sensacional

Ela é sensacional
A primeira vez que lembro o quanto era importante para minha mãe foi quando ela faltou um dia de trabalho a tarde para ficar comigo doente. Eu tinha uns 10 anos. Minha mãe era uma workaholic. Até então não tinha essa sensação, de que era mais importante do que o trabalho dela, mas é obvio que eu era. Um filho sempre é mais importante que o trabalho, por mais que uma mãe goste do seu trabalho.
 
E Mami precisava trabalhar. Não teve nem pai rico e nem mãe rica. Foi assim que eu cresci e me desenvolvi. Com uma mãe que tinha um trabalho que arrebentou com a saúde dela. Com uma mãe que se esforçava horrores para estar presente em momentos essenciais, como reuniões de escola e outras festas. Com uma mãe que me privilegiou com muitas coisas que não é qualquer brasileiro que tem.
 
Quando eu tinha 14 anos, eu tive o primeiro medo de perde-la. Ela foi internada as pressas porque passou mal no trabalho por causa do stress que era submetida. Eu demorei uns 20 minutos para entrar no quarto do hospital e quando eu entrei ela me olhou e perguntou: "E aí filha, como está no volei?"  Ela estava ali, doente numa cama mas estava querendo amenizar o que eu estava sentindo falando de uma coisa que eu gostava. Até os meus 24 anos, perdi a conta de quantas vezes a levei para o hospital por causa dos stress dela. Percebi pelo telefone que ela estava passando mal, passei a noite na porta da UTI mesmo não a vendo, tinha na minha agenda os nomes dos médicos, com telefones.  Dessa fase, que fudeu o sistema nervoso autônomo dela, eu não tenho nenhuma saudade, até porque deixou sequelas. 
 
Ela é minha grande referência. Graças a minha mãe eu sou rubro-negra. Sim, mamãe nos levava (a criançada da familia) ao Maraca para ver o Mais querido. Graças a minha mãe eu mudei de profissão na hora certa. E hoje eu não me arrependo. Graças a minha mãe, que sempre me cuidou muitissimo bem, nunca tive nenhuma doença grave em nenhuma esfera. Graças a minha mãe tive uma educação ímpar que me permite não só ser uma boa profissional como uma grande pessoa.
 
Hoje, aos 30eAlguns, vejo o quanto essa mulher é especial. Nunca me faltou amor. Nunca me faltou uma palavra de incentivo quando as coisas não andavam como eu queria. E quando eu estava ansiosa por alguma coisa que não acontecia, aquele olhar de ternura nunca me largou.  
 
Minha relação com ela é cármica. Somos duas pessoas completamente diferentes que caminham juntas. Ela é perua, eu sou simples. Ela é pura emoção, eu sou a razão em pessoa. Ela adora contar estórias, eu nem me lembro das estórias que eu vivi. Ela é pró-ativa, eu sou uma ursa.
 
Tem gente querendo ter filhos como ela tem. Tem gente que quis tê-la como mãe mas não entendeu o que é ser filho dela. Eu sou especial por seu filha dela. Sinto-me assim. Mãe com a qualidade da minha não se encontra em qualquer lugar.  Por isso eu a amo incondicionalmente. Eu a amo acima de tudo.
 
Mamis é um espetááááááááculo!

Penta tri, hegenomia e Vice de novo

Penta tri, hegenomia e Vice de novo

O que falar do jogo de ontem?? Que o Flamengão podia ter ganhado fácil? Que era o titulo mais fácil de todos? Mas quem é rubro negro duvida de quando as coisas estão faceis. Eu duvidei. Quando virou para o segundo tempo, pensei: " Está muito bom pra ser verdade". Estava fora da essencia da nossa história.
Nossa história é de sofrimento, por isso a raça está na nossa pele. Nossa história é de maior torcida do mundo, por isso o amor está em nossos corações. Nossa história é de VITÓRIA, por isso nossa paixão desenfreada, que leva simples jogadores se transformar em heróis.
Heróis que vestem o manto sagrado. E que estão de parabéns. A disposição do incansável Ibson, a categoria do irregular Kleberson, a categoria do sempre frio Juan, a eficiência do Angelim e do Airton, a vibração do Léo Moura e a disponibilidade impactante do Fábio Luciano fazem desse título um fato inesquecível. Além do penta tri, alcançamos o topo com a hegenomia carioca.
Quanto ao jogo de ontem, juizinho fdp que marcou aquele penalti. Brincadeira. Mas quantos penaltis ele marcasse, tantos penaltis o Bruno defendia. Fato! Fato que o Bostafogo, com um time que caia o tempo todo depois do 2x2 e time que não tem torcida não ganha campeonato.
E agora? Vamos comemorar porque as imagens que o penta tri proporcionou ficarão para sempre guardados na história, da qual fazemos parte.

E que venha o TRICOLOR, para o próximo TRI-VICE!

Hegemonia

Hegemonia

Editoria de Arte / GLOBOESPORTE.COM 
 
DEPOIS EU ESCREVO! TRI-CAMPEÃO!

Intervalo de jogo

Intervalo de jogo

Estamos no intervalo do jogo. Flamengão domina fazendo 2x0
 
Só um desastre tira esse titulo da Gávea. O time do Bostafogo sente muito a falta dos seus jogadores ausente. E eu com isso?