5 de junho de 2009

Coisa boa é ser rubro negra


>




 
Tenho a camisa do Fla Basquete e a uso, sem dó nem piedade. Primeiro porque comprei para usar. E segundo porque tem o Mais Querido na jogada. Então para mim basta.
 
Andando em um supermercado em Natal com a minha camisa, encontrei uma outra pessoa com a camisa do Fla Basquete. E tem coisas que só acontecem com o Mais Querido mesmo. Além da identificação ser imediata, impossível não haver o sorriso de duas pessoas vitoriosas.
 
Meu pai ainda sacaneou " Ih, la vem outra urubu, cruz credo."
 
E cada vez que eu falo do Flamengo, eu me sinto assim, VITORIOSA.  E são tantas emoções com o Flamengo que uma simples manhã ociosa, dando uma passada no Youtube para ver alguns videos me deixam com o astral lá em cima.
 
Tem cada montagem maneira, de rubro negros convictos que me fazem ter a noçao do que é ser o Mais Querido.  E essa identificação, em qualquer lugar do Brasil, me faz eu ter orgulho de fazer parte dessa nação.
 
Vamos pra cima deles Mengão!
 
PS: O supermercado não é no Rio de Janeiro. É em Natal, Rio Grande do Norte.

Espero que você tenha gostado desse texto! Segue no Instagram!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente, sempre, com educação. Se você é do Twitter, do Facebook ou de outra rede social, deixe o seu contato para que eu possa agradecer.
Ah, não esqueça nunca: UMA VEZ FLAMENGO, SEMPRE FLAMENGO!

Postagens mais visitadas

Todos os posts deste blog